Seguir o O MINHO

Futebol

“Tenho de realçar uma segunda parte muito boa do Moreirense”

Pepa

em

Imagem: Vitória SC / Facebook

Declarações após o Vitória SC–Moreirense (2-1), jogo da 11.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, disputado no Estádio D. Afonso Henriques, em Guimarães:

Pepa (treinador do Vitória de Guimarães): “Não conseguimos ter o domínio do jogo. Não tivemos mais bola. Tenho de realçar uma segunda parte muito boa do Moreirense. As coisas pagam-se um ‘pouco’, por causa da série de jogos com Marítimo, Benfica e Sporting. No aquecimento, que teve a lesão do Toni [Borevkovic], senti a equipa um pouco desgastada nos duelos individuais. Mesmo nas situações de pressão, costumámos ser mais efetivos e não conseguimos. Faltou-nos capacidade de pressão. Tem de se dar mérito ao Moreirense na segunda parte e não fizemos o jogo que costumamos fazer.

Na primeira parte, tivemos capacidade para criar oportunidades. Tivemos alguma dificuldade em jogar para a frente. Tivemos dificuldade em eliminar a pressão do Moreirense e, quando saíamos, voltávamos para trás. Na segunda, o Moreirense apareceu bem e perdemos bolas fáceis. Da nossa parte, sabemos que conseguimos fazer mais. Já tivemos jogos em que, depois de tanto volume ofensivo, não conseguimos ganhar. Hoje ganhámos, mas parece haver aqui esta carga de que perdemos. Conseguimos o objetivo principal, mas nem sempre da melhor forma.

Faltou-nos capacidade [nos minutos finais para ter mais controlo do jogo]. Não queríamos recuar para nos agarrarmos ao 1-0. Queríamos ter bola. É com bola que empurramos o adversário para trás. Mais do que a questão defensiva, o que nos faltou na segunda parte foi ter bola. O adversário teve bola e criou algumas oportunidades de golo. Temos de perceber se foi uma questão de desgaste ou algo mais. Houve mérito do Moreirense e demérito da nossa parte.”

Populares