Teatro em línguas minoritárias leva Marrocos, Galiza e Cabo Verde a Barcelos

Foto: CM Barcelos

A segunda edição do Língua – Festival Internacional de Teatro em Línguas Minoritárias vai decorrer de 07 a 10 de junho, em Barcelos, com quatro espetáculos “com sabor” a Portugal, Marrocos, Galiza e Cabo Verde, foi hoje anunciado.

Em comunicado, o município refere que o festival abrirá com a peça “O Milagre das Cruzes”, com interpretação em língua gestual portuguesa, obra protagonizada pela companhia de teatro da APACI, de Barcelos, que trabalha artisticamente a inclusão de pessoas com deficiência ou incapacidade através do teatro.

Da Galiza, chegará o trabalho “O meu mundo non é deste reino” do Teatro da Ramboia.

A companhia Blanc’art de Casablanca, Marrocos, levará a Barcelos o espetáculo “Soupir” em dialeto darija.

A fechar o cartaz, e dedicado ao público infantil, será em língua cabo-verdiana ou crioulo que “Saaraci, o Último Gafanhoto do Deserto” subirá a palco pela mão do Saaraci Coletivo Teatral, companhia na diáspora entre Portugal e Cabo Verde.

O certame terá, ainda, um debate sobre a importância do teatro como expressão para a salvaguarda e a difusão das línguas minoritárias.

Haverá também espaço para formação, com destaque para a oficina para crianças sobre língua mirandesa, dirigida pelo autor e professor Duarte Martins.

No campo musical, o festival incluirá um espetáculo de música tradicional galega e um concerto do projeto Sons de Barro, da Banda Musical de Oliveira.

O Festival Internacional de Teatro em Línguas Minoritárias é organizado pela companhia Teatro de Balugas, de Barcelos, e pelo Clube Unesco para a Salvaguarda do Teatro em Línguas Minoritárias.

 
Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

Extremistas invadem sessão sobre igualdade de género em Cabeceiras de Basto

Próximo Artigo

Mulher adormece a caminho de Gerês e despista-se contra poste elétrico

Artigos Relacionados
x