“Sofremos um golo que já não se usa”

Declarações dos treinadores no Tondela-Gil Vicente (1-1)
Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO

Declarações dos treinadores após o empate 1-1 entre Tondela e Gil Vicente, em jogo da 15.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol:

– Vítor Oliveira (Treinador do Gil Vicente): “O empate penaliza as duas equipas. Não foi um bom jogo de futebol. A primeira parte ainda foi relativamente equilibrada, entrámos mal no jogo, os primeiros 10 minutos tivemos alguma dificuldade, sofremos um golo que já não se usa, de bola parada, o jogador não precisa sequer de saltar para fazer o golo.

Depois equilibrámos e até estivemos por cima durante a primeira parte e tivemos ali quatro ou cinco situações de saída para contra-ataque, que, se fossem melhor aproveitadas, podíamos tirar um resultado diferente ao intervalo.

Na segunda parte o jogo foi muito fraco de parte a parte. Tivemos duas oportunidades flagrantes de fazer o golo. O Tondela também teve uma oportunidade flagrante num penálti que é importante que se diga que é procedido de falta sobre Ruben. O lance não deixa qualquer dúvida, é impossível que quem esteja no VAR não veja esta situação.

Um ponto fora é bom, aqueles três pontos que o Tondela, eventualmente, contaria contra uma equipa do seu campeonato, só conseguiu um e também é bom para nós, tirar esses dois pontos, mas penso que o melhor deste jogo foi o ponto conquistado fora de casa perante uma equipa do nosso campeonato”.

– Natxo González (Treinador do Tondela): “Podemos considerar um resultado justo, do meu ponto de vista. O controlo de uma equipa, o maior controlo de outra equipa, creio que se impôs uma equipa sobre outra, portanto, acho que se pode considerar justo.

Ficas um pouco com a sensação de que não és capaz de conseguir a situação mais clara do futebol, um penálti, que nos tinha permitido colocar-nos à frente, mas não sabemos o que se passou, portanto, é justo.

Temos mais bola, mas não estamos a transformar em ocasiões e não estamos a ser decisivos nos últimos 35 metros, portanto, a posse de bola sem finalização, sem ocasiões, sem golos não vale de nada, é um pouco a leitura que posso fazer.

Estamos a ter problemas nas finalizações, é o terceiro penálti que falhamos em casa e vamos ver se temos de valorizar e procurar outros caminhos.

Não é fácil contratar agora alguém que solucione os teus problemas e, por outro lado, estou satisfeito com os jogadores, já jogámos melhor, já jogámos pior, mas estou satisfeito e sabemos qual é o objetivo da nossa equipa”.

 
Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

Praticante de BTT em estado grave após queda no monte, em Vila Verde

Próximo Artigo

"O resultado é extremamente injusto"

Artigos Relacionados
x