Seguir o O MINHO

SC Braga

SC Braga quer fazer história no Jamor

em

SC Braga e Sporting discutem hoje a Taça de Portugal de futebol feminino, com as ‘leoas’ a tentarem a segunda ‘dobradinha’ consecutiva e as bracarenses interromper o domínio contrário e conquistar o primeiro troféu.


As duas equipas apostaram no futebol feminino no início da temporada passada e têm discutido entre si as várias competições, mas com o Sporting a sair sempre por cima, conquistando dois campeonatos, uma Taça e uma Supertaça.

Ana Capeta, jovem internacional portuguesa, tem sido o maior ‘pesadelo’ da formação do SC Braga, ao ser decisiva esta temporada na Supertaça ganha pelo Sporting e na Taça de Portugal em 2016/17.

O SC Braga chega a esta final com um saldo de quatro derrotas com o Sporting e dois empates.

A final da Taça de Portugal está marcada para às 17:15 no Estádio Nacional, no Jamor, e terá recurso ao videoárbitro.

Miguel Santos diz que SC Braga é superior ao Sporting em alguns momentos

O treinador do SC Braga, Miguel Santos, considerou ontem que o futebol praticado pelas bracarenses é superior ao do Sporting, acreditando que as ‘leoas’ vão ter que arriscar se quiserem vencer.

“Concordo que são as duas melhores equipas do futebol feminino. Estão recheadas de grandíssimas jogadoras, praticam um grande futebol, embora o Braga pratique, em alguns momentos, melhor futebol”, começou por dizer.

Para a partida de domingo, o treinador arsenalista assegurou que as suas atletas já sabem o que “têm de fazer”, desconfiando que a equipa de Nuno Cristóvão terá de “arriscar”, fazendo alusão ao último encontro (0-0) entre ambos, no Estádio de Alvalade, para o campeonato.

Na conferência de antevisão à segunda final consecutiva da prova ‘rainha’ entre as duas formações, Miguel Santos não quis abrir o jogo nem falar de estratégias, porém salientou a menagem passada no balneário é a de “confiança e empenho”.

“A mensagem terá uma componente mental e, se calhar, também de competente tática. Irei transmitir confiança, motivação e empenho. É um jogo que define um título. A motivação está no máximo e é um simples reforço”, contou.

O técnico, que assumiu o leme das arsenalistas esta temporada, não conseguiu evitar o bicampeonato do Sporting, mas acredita que poderá ter o dia mais feliz da carreira no Estádio Nacional.

“Espero bem que amanhã [domingo] seja o dia mais feliz da minha carreira até ao momento, não fujo a isso. Este jogo tem um componente especial e uma envolvência que transformam um jogo especial”, revelou.

E insistiu, frisando que o desafio só terá maior relevância se as suas atletas “fizerem história e levarem a Taça para Braga” e que, caso contrário, torna-se num “jogo normal”.

A guarda-redes Rute Costa reforçou as palavras do treinador e deixou claro que a ambição é de erguer pela primeira vez o troféu.

“É um momento especial para nós atletas e encaramos este momento para ganhar. É sempre muito especial no Estádio Nacional, o palco dos sonhos e queremos aproveitar que estamos aqui. Espero um grande jogo e um hino ao futebol feminino. Este palco pode proporcionar uma grande final”, desejou.

Nuno Cristovão acredita que inspiração individual poderá dar a Taça ao Sporting

O treinador de futebol feminino do Sporting, Nuno Cristóvão, disse ontem que um pormenor individual poderá ser decisivo, realçando que ambas as equipas se conhecem muito bem.

O técnico, que cumpre a segunda temporada no comando das ‘leoas’, tendo já conseguido dois campeonatos e este mesmo troféu em 2017, procura, no domingo, fazer nova ‘dobradinha’ frente ao melhor ataque do campeonato.

“O jogo não vai ter muitas surpresas. As equipas sabem muito bem os pontos fortes e fracos de cada uma. Uma inspiração individual ou um maior poder coletivo é que poderão fazer a diferença”, começou por declarar, em conferência de imprensa.

Entre elogios ao adversário, deixou evidente que não existem jogos iguais, face ao registo extremamente positivo que o Sporting tem nos confrontos com as bracarenses nas últimas duas épocas. Em seis encontros, o Sporting não sabe o que é perder, tendo concedido apenas um empate.

“É, de facto, o sétimo jogo nesta nova era no futebol jogado pelas mulheres. Todos são diferentes e não há jogos iguais. É evidente que o Braga está diferente com este treinador, mas, naturalmente, as duas equipa-se estudaram-se uma à outra. Têm sido estas jogadoras que têm estado na luta pelos títulos”, argumentou.

Sem perder há 59 jogos consecutivos, Nuno Cristóvão pede uma “atitude positiva” às suas atletas, dentro daquilo que é fundamental para o desfecho desejado numa final.

“Todos os jogos que são finais têm sempre enorme carga emocional. Desde sempre fui ensinado a procurar transmiti que há vários aspetos a ter conta: as rotinas, fazer o nosso melhor e divertimo-nos. Se não formos com atitude positiva dificilmente conseguimos ter sucesso”, esclareceu.

A capitã Solange Carvalhas também compareceu na antevisão e reforçou a ideia de que com “compromisso e muito trabalho” ficará mais fácil fazer a ‘dobradinha’.

“Jogar uma final é sempre diferente dos que jogar os jogos do campeonato. As finais são para ganhar e trabalhámos uma época inteira para jogarmos aqui [no Estádio Nacional]”, afirmou.

E prosseguiu, referindo ainda que a “pressão” faz parte de representar um clube como o Sporting: “Tenho a certeza que com compromisso seremos mais uma vez felizes e conquistemos mais um título. A pressão está sempre inerente. Encaramos este jogo com dedicação, esforço e muito trabalho. Temos que nos concentrar em nós”.

Anúncio

SC Braga

À quarta ronda de testes, SC Braga continua livre da covid

Covid-19

em

Foto: Twitter de SC Braga

Os jogadores, equipa técnica e ‘staff’ do SC Braga foram novamente sujeitos a testes de rastreio à covid-19 cujos resultados foram todos negativos, revelou hoje o clube minhoto da I Liga de futebol.


Foi a quarta ronda de testes realizada pelos bracarenses no espaço de um mês e todos eles tiveram resultados negativos.

Antes do início da competição, os ‘arsenalistas’, tal como as restantes equipas, voltarão a ser testados.

https://twitter.com/SCBragaOficial/status/1265251288180232192

Depois da folga de segunda-feira, o plantel voltou hoje aos treinos para preparar o jogo com o Santa Clara, da 25.ª jornada da I Liga, no dia 05 de junho (19:00), que terá lugar na Cidade do Futebol, em Oeiras.

Após a declaração de pandemia, em 11 de março, as competições desportivas de quase todas as modalidades foram disputadas sem público, adiadas – Jogos Olímpicos Tóquio2020, Euro2020 e Copa América -, suspensas, nos casos dos campeonatos nacionais e provas internacionais, ou mesmo canceladas.

Os campeonatos de futebol de França, Escócia, Bélgica e dos Países Baixos foram cancelados, enquanto outros países preparam o regresso à competição, com fortes restrições, como sucede em Inglaterra, Itália, Espanha e Portugal, que tem o reinício da I Liga previsto para 03 de junho. A Liga alemã foi retomada em 16 de maio.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 346 mil mortos e infetou mais de 5,5 milhões de pessoas em 196 países e territórios. Quase 2,2 milhões de doentes foram considerados curados.

Em Portugal, morreram 1.342 pessoas das 31.007 confirmadas como infetadas, e há 18.096 casos recuperados, de acordo com a Direção-Geral da Saúde.

Continuar a ler

SC Braga

Guarda-redes Rute Costa deixa SC Braga após quatro épocas

Sem adiantar qual o próximo passo na carreira

em

Rute Costa. Foto: SC Braga

A futebolista internacional portuguesa Rute Costa, guarda-redes do campeão SC Braga, informou hoje que deixa as ‘arsenalistas’ após quatro épocas, sem adiantar qual o próximo passo na carreira.


“Fim de um ciclo! Não foram 4 meses, foram 4 anos… Quero agradecer a todas as jogadoras que passaram pelo SC Braga por contribuírem para o meu crescimento desportivo e pessoal”, escreveu a jogadora, de 25 anos, na rede social Facebook.

Rute Costa, que chegou ao SC Braga em 2016/17, na época de criação e estreia da equipa feminina, conquistou o campeonato em 2018/19 e a Supertaça em 2018, num currículo que conta ainda com uma Taça de Portugal com o Boavista, em 2012/13.

No comunicado, Rute Costa deixa ainda um agradecimento ao treinador de guarda-redes e aos adeptos do SC Braga, acrescentando estar “ansiosa por uma nova baliza, onde possa continuar a voar e sonhar”.

A guardiã tem duas internacionalizações em jogos particulares, tendo marcado presença no Europeu de 2017, na Holanda, na estreia de Portugal, competição em que foi suplente de Patrícia Morais, guarda-redes do Sporting.

Em abril, a Federação Portuguesa de Futebol decidiu cancelar as competições não profissionais, devido à pandemia da covid-19, entre as quais o campeonato feminino, então liderado por Benfica, com os mesmos pontos do Sporting.

Continuar a ler

SC Braga

SC Braga apresenta segunda fase da Cidade Desportiva

Futebol

em

Foto: SC Braga / Facebook

O SC Braga apresentou hoje, através de vídeo publicados nas suas redes sociais, o projeto da segunda fase da Cidade Desportiva, cujas obras deverão arrancar em maio.


A segunda fase da Cidade Desportiva contempla um pavilhão multiusos, com 1030 lugares, considerado pelo clube um “equipamento estratégico para o desenvolvimento de todas as modalidades indoor do clube e para a realização de saraus desportivos, culturais, exposições e outros evento”.

Outro destaque é “Estado Centenário”, com 2400 lugares, que tem aquele nome para homenagear “todos aqueles que durante estes cem anos contribuíram para este clube”.

Vai ter ainda área residencial com 49 quartos duplos, restaurante, ginásio e parque de estacionamento com 250 lugares, entre outras novidades.

Continuar a ler

Populares