Seguir o O MINHO

Desporto

SC Braga está na final da Taça da Liga feminina

Apesar da derrota em Famalicão

em

Foto: SC Braga

O SC Braga apurou-se hoje para a final da Taça da Liga feminina de futebol, apesar da derrota por 2-1 na segunda mão da meia-final com o Famalicão, num duelo em que esteve a perder por 2-0.

Depois do triunfo caseiro por 3-0 na primeira mão, disputada em 25 de janeiro, as ‘arsenalistas’ viram essa margem em perigo, face aos golos de Ana Rute, na própria baliza, aos 51 minutos, e de Marie-Yasmine Alidou, aos 72, antes de Caroline Kehrer responder à ‘ameaça’ famalicense num cabeceamento certeiro, aos 77.

Vencedoras da competição em 2021/22, as bracarenses vão defender o cetro numa final com o Benfica ou com o Sporting, que se reencontram hoje a partir das 20:00, para a segunda mão da respetiva meia-final, após a vitória caseira das ‘águias’ na primeira mão, por 4-1.

Com três golos de vantagem à partida para o embate decisivo, a equipa treinada por Gonçalo Nunes foi a mais ‘esclarecida’ em campo na primeira parte, anulando a manobra ofensiva famalicense e criando as ocasiões mais perigosas, ao minuto 24, quando Paige Almendariz acertou no poste, de canto direto, e Joline Amani, na sequência do lance, atirou ao lado.

Após o intervalo, o treinador famalicense, Marco Ramos, substituiu Vânia Duarte por Carolina Rocha, e a equipa anfitriã mostrou um ímpeto renovado, que a levou ao golo inaugural aos 51 minutos: ao tentar cortar um cruzamento de Telma Pereira na direita, Ana Rute cabeceou ao ângulo superior esquerdo, ‘traindo’ a sua guarda-redes, Patrícia Morais.

Em vantagem, o Famalicão continuou a atacar e, depois de Maria Negrão render Telma Pereira, aos 66 minutos, criou ainda mais problemas à defensiva ‘arsenalista’, com a jogadora recém-entrada a servir Marie-Yasmine Alidou para o segundo golo, num lance em que se enquadrou com a baliza no interior da área antes do ‘disparo’ certeiro.

O SC Braga reduziu cinco minutos depois, num cabeceamento da ponta de lança Caroline Kehrer ao primeiro poste, em resposta a canto de Beatriz Rodrigues, e recuperou algum ‘conforto’ na meia-final, apesar de a equipa da casa ter continuado a ameaçar o golo, como quando Marie-Yasmine Alidou acertou na barra, ao minuto 90.

Ficha de jogo

Jogo na Academia do Futebol Clube de Famalicão.

Famalicão – Sporting de Braga, 2-1.

Ao intervalo: 0-0.

Marcadores:

1-0, Ana Rute, 51 minutos (própria baliza).

2-0, Marie-Yasmine Alidou, 72.

2-1, Caroline Kehrer, 77.

Equipas:

– Famalicão: Aline Lima, Inês Maia, Raquel Infante, Laís Araújo, Vânia Duarte (Carolina Rocha, 46), Maria Miller, Letícia Almeida (Mariana Couto, 85), Regina Pereira (Inês Santos, 85), Telma Pereira (Maria Negrão, 66), Marie-Yasmine Alidou e Sissi.

(Suplentes: Dani Neuhaus, Babi, Gabriela Vinhas, Maria Negrão, Madison Gear, Carolina Rocha, Inês Santos, Mariana Couto e Mylena Freitas).

Treinador: Marco Ramos.

– Sporting de Braga: Patrícia Morais, Beatriz Rodrigues, Anouk Dekker, Leah Lewis, Paige Almendariz, Dolores Silva, Vanessa Marques, Ana Rute (Carolina Mendes, 74), Joline Amani (Bia Meio-Metro, 74), Tânia Rodrigues (Vitória Almeida, 90+3) e Caroline Kehrer (Laura Casanovas, 87).

(Suplentes: Luísa Pinheiro, Marie-Aurelle Awona, Paula Fernandes, Nicole Nunes, Laura Casanovas, Laura Luís, Vitória Almeida, Carolina Mendes e Beatriz Fonseca).

Treinador: Gonçalo Nunes.

Árbitro: Sara Alves (Associação de Futebol do Porto).

Ação Disciplinar: Cartão amarelo para Regina Pereira (53), Ana Rute (63) e Letícia Almeida (80).

Assistência: cerca de 200 espectadores.

Populares