Seguir o O MINHO

Futebol

SC Braga-Benfica joga-se num domingo (28 de abril) às 17:30

31.ª jornada da I Liga

em

Foto: Divulgação / SC Braga (Arquivo)

O encontro entre o SC Braga e o Benfica, da 31.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, vai ser jogada a 28 de abril, um domingo, anunciou hoje a Liga de clubes.

A visita dos atuais líderes do campeonato aos bracarenses, quartos, está marcada para as 17:30 de 28 de abril, numa ronda que abre dois dias antes do FC Porto, segundo, em igualdade pontual com os ‘encarnados’, visitar o Rio Ave, às 20:30.

O Sporting, terceiro posicionado, recebe o Vitória SC, no sábado, 27 de abril, às 18:00.

Programa da 31.ª jornada

– Sexta-feira, 26 abril:

Rio Ave – FC Porto, 20:30

– Sábado, 27 abril:

Santa Clara – Vitória de Setúbal, 15:30

Portimonense – Feirense, 15:30

Sporting – Vitória SC, 18:00

Desportivo das Aves – Belenenses, 20:30

– Domingo, 28 abril:

Marítimo – Tondela, 15:00

Desportivo de Chaves – Nacional, 15:00

SC Braga – Benfica, 17:30

Boavista – Moreirense , 20:00

Anúncio

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem O MINHO, jornal estritamente digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O MINHO é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Inspirados na filosofia seguida pelo jornal inglês "The Guardian", um dos mais importantes órgãos de comunicação do Mundo, também nós achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler O MINHO, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar O Minho - e só demora um minuto. Obrigado.

Futebol

Mundial sub-20: Portugal e Argentina confirmam favoritismo no grupo

Trincão marcou o golo que deu a vitória à Seleção

em

Foto: Twitter

Portugal e Argentina confirmaram, no sábado, que são as duas equipas mais fortes do grupo F do Mundial de futebol de sub-20, que decorre na Polónia, arrancando esta fase da prova com vitórias.

Ao tangencial 1-0 de Portugal sobre a Coreia do Sul, mais cedo, respondeu muito bem a Argentina com uma goleada de 5-2 sobre a África do Sul, já ao início da noite.

Golo de Trincão dá vitória a Portugal no jogo de estreia no Mundial de sub-20

A primeira ronda da fase de grupos ficou completa, registando-se também no programa do dia o 1-1 entre Panamá e Mali e o 2-0 da França à Arábia Saudita, ambos os jogos do grupo E.

Em Bielsko-Biala, Trincão, jogador do SC Braga, fez o primeiro golo de Portugal neste torneio, logo aos sete minutos. O marcador não voltou a funcionar e o tento acabou por valer os três pontos.

Portugal, campeão do mundo em 1989 e 1991, é considerado um dos favoritos, estatuto que lhe é conferido pelos valores individuais de que dispõe, e sobretudo pelos triunfos que esta geração, nascida em 1999, alcançou nos Europeus de sub-17 e sub-19, em 2016 e 2018.

A Argentina, que jogará contra os lusos na terça-feira, respondeu ‘forte’ e conseguiu uma das goleadas mais dilatadas deste Mundial, até ao momento.

Em Tychy, a ‘equipa das pampas’ ainda foi mais célere a chegar à vantagem, já que comandava aos quatro minutos, com o golo de Fera. Mas ‘consentiu’ o empate, aos 23 minutos por Philips, só embalando para o resultado desnivelado na reta final do encontro, fase em que os sul-africanos jogaram com um a menos (expulsão de Philips aos 66).

Barco (63 de grande penalidade e 71), Alvarez (76) e Gaich (90+2) ampliaram o marcador, com o desnível só mitigado pelo golo de Foster, aos 85 de grande penalidade, para os africanos.

Fofana (43) e Gouiri (75) apontaram os dois golos com que a França bateu a Arábia Saudita, em Gdynia, para assumir o comando do grupo E, com três pontos, mais dois do que Mali e Panamá, que empataram na outra partida.

Em Bydgoszcz, Konte fez o golo maliano, aos 39, e Valanta o golo panamiano, aos 87, de grande penalidade.

Continuar a ler

Futebol

Sérgio Conceição volta a perder nos penáltis, como aconteceu quando treinava o SC Braga

Maldição contra o Sporting

em

Foto: DR / Arquivo

O treinador do FC Porto, Sérgio Conceição, não conseguiu contrariar a tendência, e à terceira tentativa voltou a perder uma taça frente ao Sporting nas grandes penalidades, a segunda no Estádio Nacional.

Depois de ter perdido uma anterior Taça de Portugal, quando ainda treinava o SC Braga, e uma Taça da Liga, já ao serviço do FC Porto, o treinador voltou hoje a ‘cair’ na marca dos 11 metros, e sempre frente ao mesmo rival, o Sporting.

No percurso do treinador dos ‘dragões’ estão também duas meias-finais, uma da Taça da Liga e outra da Taça de Portugal, perdidas no desempate por grandes penalidades, na última época e igualmente com os ‘leões’.

Em 2014/15, quando representava o SC Braga, Sérgio Conceição, perdeu na final da Taça de Portugal com o Sporting, num jogo que os bracarenses estiveram a vencer por 2-0, e os ‘leões’ igualaram já nos descontos, por Montero, aos 90+3.

No final dessa época, Conceição deixou o SC Braga e rumou ao Vitória SC, ainda antes treinar uma época os franceses do Nantes, até regressar em 2017/18 a Portugal para assumir o FC Porto, no qual voltou a estar nas grandes decisões.

E foi já pelos ‘dragões’ que os ‘clássicos’ foram uma realidade, não só no campeonato, mas também nas Taças, com a ‘sorte’ a colocar o FC Porto e Sporting frente a frente, uma vez numa final, já este ano na Taça da Liga, e as outras em meias-finais.

Na sua época de estreia nos portistas, em 2017/18, o técnico foi primeiro afastado nas meias-finais da Taça da Liga disputadas em Braga, ao empatar com o Sporting sem golos e perder nos penáltis (4-3), e depois nas ‘meias’ da Taça de Portugal, com a eliminatória, a duas mãos, a ser igualada no segundo jogo (1-0 no Dragão e em Alvalade, com 5-4 no desempate).

Derrotas que abriram o caminho para duas finais do Sporting, treinado por Jorge Jesus, com os ‘leões’ a conquistarem a Taça da Liga frente ao Vitória de Setúbal (1-1, 5-4 nos penáltis), e a perderem na final da Taça de Portugal com o Desportivo das Aves (2-1).

Já esta temporada, Sérgio Conceição teve a sua segunda final frente ao Sporting – e o quarto jogo com necessidade de desempate por penalidades – e, uma vez mais, voltou a ver a sua equipa a perder, numa inédita final da Taça da Liga, disputada em Braga.

Fernando Andrade tinha marcado para os ‘dragões’, mas, tal como na primeira final de Conceição, o Sporting ‘forçou’ os penáltis ao marcar já nos descontos, agora por Bas Dost (90+3).

Hoje, no Jamor, foi Sérgio Conceição que viu o FC Porto arrancar a igualdade a 2-2 nos descontos do prolongamento, num cabeceamento de Felipe (120+1 minutos), mas nos penáltis, já depois de terem sido marcados os cinco primeiros, com duas bolas na trave para cada lado, Fernando Andrade viu Renan defender, e Luiz Phellype fez o 5-4.

Continuar a ler

Futebol

Sporting vence Taça de Portugal

Nas grandes penalidades

em

Foto: Twitter

O Sporting conquistou hoje a Taça de Portugal, depois de ter batido o FC Porto nas grandes penalidades, em jogo que acabou empatado, 1-1, no tempo regulamentar, e 2-2, no prolongamento.

Os leões estiveram a perder 0-1, após o FC Porto ter marcado por Soares, aos 40 minutos, mas conseguiram empatar, aos 45, com um auto-golo de Danilo.

No prolongamento, Bas Dost fez o golo que colocou os leões na frente, aos 101 minutos, mas o FC Porto conseguiu voltar a colocar o jogo empatado, no último lance da partida, aos 120+1 minutos.

Foto: LPFP

Nas grandes penalidades, Bas Dost (1.º penálti) e Pepe (3.º) acertaram na barra e Fernando Andrade permitiu a defesa a Renan (5.º). Logo de seguida Luíz Phelyppe marcou, fez o 5-4 e o Sporting ganhou.

Sérgio Conceição volta a perde nos penáltis, como aconteceu quando treinava o SC Braga

Esta foi a 17.ª Taça de Portugal conquistada pelo Sporting.

Golos

0-1: Livre de Alex Telles, bola no segundo poste onde Herrera domina e mete em Soares que, nas costas de Coates, cabeceia de forma certeira para o fundo das redes de Renan.

1-1: Passe atrasado de Acuña para Bruno Fernandes, este ajeita e coloca a bola a entrar junto ao poste esquerdo. Há um desvio em Danilo que leva Jorge Sousa a recorrer ao VAR, mas o árbitro acaba por validar o golo do empate.

2-1: Cruzamento de Acuña, Felipe falha o corte e a bola sobra para o remate cruzado do holandês, a colocar longe do alcance de Vaná.

2-2: Golo de Felipe no último lance!

Continuar a ler

EM FOCO

Anúncio

ÚLTIMAS

Patrocinado

Reportagens da Semana

Populares