Seguir o O MINHO

Alto Minho

Ruínas da aldeia submersa de Aceredo vandalizadas com ‘pinturas’ e escritos

No rio Lima

em

Foto: La Voz de Galicia

Um cenário desolador. As ruínas da antiga aldeia submersa de Aceredo, no lado espanhol do rio Lima, em Lobios, Galiza, estão completamente preenchidas com escritos, possivelmente potenciadas pelo aumento de turistas desde o início do ano, quando saíram as primeiras notícias de que a aldeia estaria novamente à vista.

Segundo o jornal La Voz da Galicia (acesso pago), tanto as fachadas exteriores como as paredes internas foram alvo de vários escritos, e encontram-se comletamente preenchidas por letras e ‘pinturas’ que, embora não rupestres, pouco se diferenciam no que toca à qualidade.

Foto: La Voz de Galicia

Foto: La Voz de Galicia

Foto: La Voz de Galicia

A situação incomoda os antigos moradores e o executivo do município de Lobios, que chegou ponderar aplicar uma taxa turística face ao aumento de visitantes, sobretudo portugueses.

Afundada em 1992 para a construção de uma barragem em Ponte da Barca, a antiga aldeia espanhola de Aceredo é um dos ícones da seca que afeta a Europa neste ano de 2022.

EM FOCO

Populares