Seguir o O MINHO

Futebol

Rúben Amorim não acredita no título mas garante que Sporting jogará igual

I Liga

em

Foto: DR / Arquivo

O treinador do Sporting reforçou hoje a descrença na conquista do título de campeão nacional de futebol e defendeu que a sua posição não vai alterar a abordagem dos jogadores ‘leoninos’ ao encontro com o Portimonense.

Rúben Amorim fez a antevisão do encontro da 33.ª e penúltima jornada da I Liga, na Academia de Alcochete, e voltou a revelar-se “pragmático” em relação às contas do título, apesar de o FC Porto, que tem seis pontos de vantagem sobre os ‘verdes e brancos’, visitar o Benfica, também no sábado, em encontro que recusou analisar.

“Sou muito pragmático. Desde a derrota com o Benfica que digo que não acredito [no título] e sou sincero. Digo que não acredito porque não muda a forma como vamos abordar os outros jogos. Os jogadores do Sporting não têm hipótese, sendo campeões, não estando a lutar pelo título, têm de jogar sempre da mesma forma, senão perdem o lugar”, justificou Rúben Amorim, em conferência de imprensa.

Por isso, o técnico lembrou que “o projeto [do Sporting] não acaba hoje” e, mesmo condescendendo que “no futebol, tudo é possível”, reforçou a sua tese.

“Não tenho problemas nenhuns em que baixem a guarda, ou a capacidade de treinar, ou de enfrentar os desafios por eu dizer que não acredito que o FC Porto perca tantos pontos, porque não acredito. Mas no futebol tudo é possível e, tivéssemos nós muitos pontos de atraso, já nada por ganhar, tínhamos de ganhar estes jogos”, traçou Amorim.

Antes, o técnico já tinha mesmo focado o discurso na evolução da equipa para os desafios da próxima época, até porque, reconheceu, o Sporting até pode entrar em campo no sábado, no Algarve, já sem hipóteses sequer matemáticas de chegar ao título.

“Obviamente, o campeonato pode acabar já nesta jornada e nós, depois, continuamos aqui a melhorar a equipa. Portanto, vamos aproveitar todos os minutos, sabendo que a época ainda não acabou. A preparação [para o Portimonense] foi igual, a nossa ideia é jogar da mesma forma, seja o FC Porto já campeão ou não”, assumiu.

Frente ao Portimonense, Amorim volta a estar privado de Feddal, que “ressentiu-se” de uma lesão, mas poderá contar com Coates, ‘poupado’ na receção ao Gil Vicente na jornada anterior e que será importante para travar as transições dos algarvios.

“Tem aquele correr, mas não é um jogador assim tão lento e é capaz de bloquear as transições que o Portimonense faz, com o Nakajima, o Fabrício, o Wellington, portanto vemos com bons olhos a recuperação do Coates”, revelou.

O Sporting visita o Portimonense no sábado, em encontro da 33.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol com início marcado para as 20:30, no Portimão Estádio, e arbitragem de Rui Costa, da Associação de Futebol do Porto.

Frente a um adversário “forte a defender, nas bolas paradas e com uma transição muito forte”, na ótica de Amorim, o Sporting só pode continuar a aspirar ao título se vencer, mas precisa também que, antes, o FC Porto saia derrotado do Estádio da Luz, frente ao Benfica, no encontro que tem início às 18:00.

Populares