Seguir o O MINHO

Braga

Responsáveis debateram trânsito e cortesia ao volante

em

Foto: Joaquim Gomes / O MINHO

Responsáveis de entidades oficiais e privadas ligadas ao fenómeno rodoviário debateram este sábado, em Braga, a problemática que envolve a circulação nas cidades, tendo ainda pugnado ser possível e desejável “fazer mais e melhor em prol da segurança e bem-estar”.

O Dia Mundial do Trânsito e da Cortesia ao Volante comemora-se este sábado, tendo na Biblioteca Lúcio Craveiro da Silva, em Braga, decorrido uma tertúlia sobre “A Segurança Rodoviária como um Desafio Social e Municipal”.

Foto: Joaquim Gomes / O MINHO

O tema foi debatido por Mário Meireles, PhD Student e presidente da Associação Braga Ciclável, pelo 1º sargento Cristiano Pereira, o chefe do Núcleo de Investigação Criminal em Acidentes de Viação (NICAV) do Destacamento de Trânsito do Comando Territorial da GNR de Braga, Maria João, enfermeira mestre em Risco, Trauma e Sociedade, que é colaboradora e formadora da ACA-M (Associação de Cidadãos Auto Mobilizados), bem como de Sónia Carvalho e Ana Rita Lopes, ambas da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária.

Foto: Joaquim Gomes / O MINHO

A moderação esteve a cargo do professor Carlos Alberto Gomes, do Departamento de Ciências Sociais da Educação do Instituto de Educação da Universidade do Minho, tendo de tarde decorrido a IV edição do Braga Cycle Chic, em que todos os cidadãos são convidados a deslocarem-se de bicicleta até ao centro da cidade, sendo feito um pequeno percurso pelo centro histórico com uma passagem pela Escola de Educação Rodoviária de Braga.

Depois teve lugar naquela mesma escola rodoviária mais uma sessão do programa “A pedalar estamos a exercitar!”, abrindo as portas a todas as crianças que quiseram aprender a pedalar ou aperfeiçoar o uso da bicicleta, a partir dos cinco anos de idade, com ou sem bicicleta, através de monitores do Clube de Cicloturismo de Braga.

Populares