Seguir o O MINHO

Futebol

Repórter de imagem agredido em Moreira de Cónegos: “Levas um soco que te f***”

I Liga

em

Um repórter de imagem da estação televisiva TVI foi agredido por um empresário de futebol associado ao FC Porto, na segunda-feira à noite, depois do empate a uma bola entre os ‘dragões’ e o Moreirense.

No final da partida, e já fora do recinto de jogo, os jornalistas mostravam imagens da insatisfação dos campeões nacionais depois de terem visto um golo anulado pelo VAR aos 90+3 minutos.

Nas imagens do repórter é possível ver, numa fase inicial, Pinto da Costa a abordar os jornalistas, sem que se perceba o que é dito. Depois, é a vez do empresário Pedro Pinho entrar em ‘cena’.

O agente de futebol com ligações ao FC Porto dirigiu-se ao repórter e questionou: “Estás a filmar para quê, pá?”. No mesmo segundo, ameaçou o profissional de comunicação social: “Levas um soco que te f***”.

De seguida, deu um empurrão que levou à queda do jornalista e da câmara de filmar, que caiu por umas escadas abaixo.

Nenhum dos envolvidos se pronunciou publicamente, mas Vítor Baía já veio pedir desculpa em representação do clube azul-e-branco.

Moreirense e FC Porto empataram esta noite de segunda-feira por 1-1, num jogo de loucos com um final ‘impróprio para cardíacos’. Desde os 37 minutos que os de Moreira de Cónegos, a jogar em casa, se adiantaram no marcador.

Os campeões-nacionais acabariam por conseguir empatar a partida aos 86 minutos, através da conversão de uma grande penalidade.

Aos 90+3, Toni Martínez parecia ter assegurado uma reviravolta épica para os ‘dragões’, levando a grandes festejos no banco azul-e-branco.

Mas o VAR anulou o golo, e para desespero dos portistas, o encontro terminou empatado a uma bola.

Populares