Rafa renuncia à seleção nacional

Futebolista estreou-se por Portugal quando ainda jogava no SC Braga

O extremo do Benfica Rafa pôs termo à sua carreira na seleção portuguesa de futebol, iniciada quando era, ainda, jogador do SC Braga, informou hoje o futebolista, em comunicado enviado à agência Lusa.

“Informei hoje o selecionador Fernando Santos e a FPF [Federação Portuguesa de Futebol] da minha indisponibilidade para representar a equipa nacional. Julgo tratar-se de uma decisão honesta e acertada, neste momento da minha carreira. Peço que as razões, de foro pessoal, sejam respeitadas por todos”, lê-se na mensagem divulgada pelo jogador.

Rafa, de 29 anos, conta 25 internacionalizações pela seleção principal, sem ter apontado qualquer golo.

O avançado do Benfica estreou-se na equipa das ‘quinas’ em 05 de março de 2014, em Leiria, numa vitória por 5-1 num jogo particular frente aos Camarões, sob o comando de Paulo Bento. Na altura, o futebolista vestia as cores dos Gverreiros do Minho, tendo saído para Lisboa em 2016, numa transferência de cerca de 16 milhões de euros.

“Representei as seleções nacionais em 40 ocasiões, ajudei a conquistar o Euro2016 e a Liga das Nações e estarei sempre na primeira fila a apoiar a equipa de todos nós. Estou certo de que a seleção nacional continuará a dar alegrias aos portugueses, desde logo na Liga das Nações e no Mundial2022”, rematou Rafa.

A FPF despediu-se também do extremo: “A direção da FPF respeita a decisão tomada pelo Rafa, que connosco viveu as duas maiores conquistas da seleção nacional, o Euro2016 e a Liga das Nações. O Rafa será para sempre um dos nossos e é credor do nosso reconhecimento e agradecimento”.

 
Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

PSD propõe alargar apoio de 125 euros a pensionistas e manter lei em vigor em 2023

Próximo Artigo

Homem com queimaduras graves em acidente de trabalho em Barcelos

Artigos Relacionados
x