Seguir o O MINHO

Desporto

Quatro jogadores do Vianense notificados pelo SEF para abandonar o país

em

Quatro jogadores do Sport Clube Vianense, três angolanos e um brasileiro, em situação ilegal, foram notificados pelo Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) para abandonarem voluntariamente Portugal, disse esta quinta-feira fonte da direção do clube.

Contactada, fonte da direção do clube adiantou que “este caso não está relacionado com a inspeção realizada pelo SEF”, na quarta-feira, em que foram notificados seis estrangeiros em situação ilegal para abandonarem voluntariamente Portugal na sequência de várias ações de fiscalização a diversas associações desportivas.

Segundo aquela fonte, “a situação dos três angolanos em situação ilegal já tinha sido reportada ao SEF em outubro, informando da decisão dos três jovens de abandonar Portugal, voluntariamente, para regularizar o processo de legalização, no país de origem”.

Os três jogadores abandonam Portugal no próximo dia 25.

Já o jogador brasileiro Eric, adiantou a fonte da direção do clube de Viana do Castelo, “pediu reavaliação do processo de legalização e vai permanecer no país”.

Os três jogadores angolanos chegaram ao clube no início da época passada e o jogador brasileiro ingressou esta temporada na equipa que disputa a serie A do Campeonato de Portugal, ex-Campeonato Nacional de Séniores.

O avançado brasileiro foi utilizado, pela primeira vez, na equipa sénior do Vianense na penúltima jornada, frente ao Vilaverdense, e foi titular, no domingo passado, tendo até marcado um dos dois golos da vitória frente ao Pedras Salgadas, jogo que contou também com a prestação de um dos angolanos, substituído ao intervalo.

Os outros dois angolanos nunca chegaram a jogar pela equipa principal, tendo sido sempre utilizados na equipa B do clube da capital do Alto Minho.

O Vianense, que perdeu com o Benfica na terceira eliminatória da Taça de Portugal, encontra-se no sétimo lugar da sua série com 11 pontos.

Anúncio

Desporto

Jordan Santos assume ambição de “ganhar” Mundial de futebol de praia

Futebol de Praia

em

Foto: Divulgação

Jordan Santos assumiu hoje a ambição de “ganhar” o Mundial de futebol de praia, que arranca no dia 21, no Paraguai, e reconheceu que o prémio de melhor jogador do mundo aumenta a sua “motivação” e “responsabilidade”.

Em declarações à imprensa durante o primeiro dia de treinos da seleção portuguesa, na Praia do Ouro, em Sesimbra, o ala do Sporting de Braga garantiu ainda estar “preparado” para ser o foco das atenções pelo galardão que recebeu no sábado, no Dubai.

“Todos nós gostamos de ser reconhecidos, mas agora o foco já está na preparação do Mundial. Será um dos mais difíceis, temos várias seleções a lutar pelo mesmo, mas sabemos do nosso valor e vamos preparados”, garantiu o nazareno, consciente de que “as pessoas vão estar a observar mais” mas assumindo gostar dessa responsabilidade acrescida.

Relativamente às aspirações da equipa na competição, Jordan Santos assumiu que Portugal pode ser “uma das seleções a ganhar este mundial” e garantiu que o grupo está focado, coeso, e que essa pode ser a chave para alcançar o título.

“Se formos campeões do mundo, será mesmo a ‘cereja no topo do bolo’ e vamos trabalhar para isso. Os sonhos só se alcançam com trabalho e nós vamos nesse caminho”, prometeu o ala português, que considera “bom” ter apanhado o Brasil no grupo, porque “depois só os poderemos apanhar na final”.

A coesão do grupo, de resto, é apontada pelo internacional português como uma das principais ‘armas’ para conquistar o título nas areias do Paraguai.

“Há miúdos a aparecer com qualidade, como é óbvio, mas o nosso núcleo forte sempre o mesmo, é uma arma forte para atacar este Mundial”, assumiu Jordan Santos, que espera também “servir de inspiração” para os jovens valores que estão a emergir e manter Portugal “muitos anos no topo”.

Continuar a ler

Desporto

Barcelos: Hélder Gonçalves renova com equipa do pelotão nacional

Ciclismo

em

Foto: Helena Dias / Blogger

O ciclista Hélder Gonçalves, de Barcelos, renovou contrato com a União Desportiva Oliveirense, de Oliveira de Azeméis, anunciou esta segunda-feira o clube.

O jovem formado na ACR Roriz mantém-se assim, por mais uma época, por entre os grandes do pelotão do ciclismo português. O trepador, em declarações ao site do clube, prometeu aproveitar as oportunidades ao longo das diferentes provas em que vai competir.

Em 2020, a experiência adquirida na última época servirá “não só, dar continuidade à experiência e maturidade ganha nesta temporada, mas também, aplicá-la nas oportunidades que a equipa me irá propor, de modo a estar mais vezes nos momentos decisivos.”

Continuar a ler

Futebol

SC Braga felicita comando da PSP pela operação de segurança em Guimarães

Dérbi do Minho

em

Foto: Twitter

A direção do SC Braga veio hoje a público, através de comunicado, felicitar o comando distrital de Braga da PSP, pelo “inexcedível” trabalho no “acompanhamento do transporte” dos adeptos, “no seu encaminhamento em caixa de segurança e na sua entrada atempada no Estádio D. Afonso Henriques, bem como no eficaz regresso a Braga”.

“A organização da PSP provou a sua competência, o mesmo se aplicando relativamente à proteção da equipa, cuja deslocação decorreu sem incidentes e em claro contraponto com os lamentáveis acontecimentos da época passada, quando a entrada no recinto se fez sob forte chuva de pedras”, refere o mesmo comunicado.

O SC Braga recorda que este tipo de operações valorizam o futebol português e fidelizam os adeptos que, refere o clube, “são o bem mais precioso” do futebol.

“Espera-se e exige-se que tal eficácia se continue a verificar, cabendo ao SC Braga o mesmo papel na ação vigilante que continuará a efetuar sobre todas as operações de segurança respeitantes a jogos das suas equipas”, refere o mesmo comunicado.

Continuar a ler

EM FOCO

Anúncio

ÚLTIMAS

Vamos Ajudar?

Reportagens da Semana

Populares