Seguir o O MINHO

Famalicão

Proposta de alimentação à base de farinha de inseto vence concurso em Famalicão

Quinze ideias de negócio foram as finalistas

em

Foto: CM Famalicão

Produtos alimentares naturais desenvolvidos com a incorporação de farinha de inseto é a proposta da Portugal Bugs que acaba de receber um impulso de cinco mil euros para o desenvolvimento do seu negócio.


A Startup de Guilherme Pereira e Sara Martins, do Porto, venceu o concurso JUMP, promovido pela Câmara Municipal de Famalicão, através do Famalicão Made In, em parceria com o Parque de Ciência e Tecnologia da Universidade do Porto (UPTEC) e algumas empresas do concelho, e, para além do prémio monetário, conquistou o direito a instalar-se gratuitamente durante um ano na incubadora Famalicão Made IN com acesso a programa de aceleração de negócios.

Os empreendedores têm já formuladas quatro barras proteicas, algumas formulações de massa proteicas e também os próprios insetos desidratados temperados, contando ainda com a própria farinha de inseto.

A empresa procura destacar-se como marca pioneira do setor em Portugal, ao serem produtores e transformadores de insetos.

Foram 15 as ideias de negócio que passaram à 2ª fase do concurso, sendo que apenas cinco foram provenientes de Vila Nova de Famalicão. Os objetivos do concurso passaram por atrair novas ideias de negócio e promover novas soluções e serviços para a industria, a cidade e os cidadãos.

A ECO2Blocks, de Alan Cunha e Vitor Sanches, da Covilhã, que transforma resíduos da indústria em produtos de alta qualidade para a construção civil, absorvendo CO2 no seu processo produtivo, foi a segunda ideia vencedora do concurso e para além do direito à instalação gratuita na Incubadora Famalicão Made In arrecadou um prémio monetário no valor de mil e quinhentos euros.

A fechar o pódio, a White Stamp, de Pedro Santos e Marta Rito, do Porto, com uma proposta de programa colaborativo que conecta o mercado de 1ª mão com o de 2ª mão, permitindo que retalhistas de moda premium incentivem os seus consumidores digitais a trocar artigos de moda usados por novos.

A White Stamp conquistou igualmente o direito a instalar-se na Incubadora Famalicão Made IN e recebeu um prémio monetário de mil euros.

O vereador da Economia e Empreendedorismo, Augusto Lima, traçou “um balanço muito positivo desta primeira edição do Jump, com mais de 75% de participantes fora do concelho, permitindo atrair novos projetos para o território que era um dos objetivos do concurso”. O mesmo responsável enalteceu a qualidade dos concorrente com projetos “muito acima da média, de enorme qualidade, e com muita possibilidade de desenvolvimento”

Anúncio

Ave

Trabalhadores atacados por vespas asiáticas em Famalicão

No Parque de Campismo de Gondifelos

em

Foto: Ilustrativa / DR

Um trabalhador de silvicultura teve de receber tratamento hospitalar na sequência de um ataque de vespas asiáticas, durante a manhã desta terça-feira, em Gondifelos, concelho de Famalicão.

O MINHO confirmou a ocorrência junto de fonte dos bombeiros e do presidente da União de Freguesias de Gondifelos, Cavalões e Outiz.

De acordo com Manuel Novais, o homem estava a fazer limpeza de vegetação na concessão do Parque de Campismo de Gondifelos da responsabilidade do Corpo Nacional de Escutas, quando o acidente terá ocorrido.

“Foi uma situação simples, os trabalhadores devem ter mexido com o ninho sem se aperceberem e foram atacados”, confirmou o autarca. Um dos trabalhadores acabou por ser picado, necessitando de receber tratamento.

Para o local foi acionada a equipa médica da VMER de Famalicão que fez a avaliação do trabalhador, considerando que os ferimentos são “ligeiros”.

A vítima foi transportada para o Hospital de Famalicão por uma ambulância dos Bombeiros Famalicenses.

O alerta foi dado às 10:43.

Esta noite, os serviços municipais vão proceder à eliminação do vespeiro.

Continuar a ler

Ave

Detido por violar as filhas e bater na mulher em Famalicão

Crime

em

Foto: DR / Arquivo

A Polícia Judiciária (PJ) deteve um homem por suspeitas de abusar sexualmente das filhas, de 13 e 21 anos, e de agredir e maltratar a mulher em Famalicão, anunciou hoje esta força policial.

Em comunicado, a PJ referiu que o suspeito, detido fora de flagrante delito, está indiciado pelos crimes de abuso sexual de crianças, abuso sexual de menores dependentes, violação e violência doméstica.

As vítimas, mulher, de 39 anos, e filhas, e o agressor residiam todos juntos na habitação.

Segundo a PJ, os abusos sexuais com a filha mais velha, de 21 anos, começaram quando esta tinha 13 e continuaram com “regularidade” até hoje, ocorrendo na casa e noutros locais.

Já com a filha mais nova, de 13 anos, os abusos sexuais principiaram em meados do passado mês de junho, no interior da habitação.

“Para a prática dos seus atos, o detido impôs no seio familiar um clima de medo e insegurança constantes, que passavam por infligir maus tratos físicos e psíquicos às vítimas, e pelo permanente controlo das suas movimentações e vivência em sociedade”, vincou a força policial.

Estes crimes chegaram na segunda-feira à tarde ao conhecimento da PJ que, posteriormente, iniciou as diligências, das quais resultou a “recolha de inúmeros indícios da prática dos crimes”, frisou.

O detido, de 44 anos, vai agora ser presente a um juiz de instrução criminal no Tribunal de Vila Nova de Famalicão.

Continuar a ler

Ave

Cabeleireiro em Famalicão doa 1.400 iogurtes para famílias carenciadas

Bens entregues à Refood

em

Foto: José Lima Cabeleireiros

Um cabeleireiro da freguesia de Vermoim, em Famalicão, entregou ao núcleo local da Refood 1.400 iogurtes, 50 caixas de cereais, 100 embalagens de leite e uma caixa de maçãs.

Os bens serão distribuídos através da Refood a crianças e famílias mais desfavorecidas.

“Este donativos só foram conseguidos com a ajuda dos clientes da José Lima Cabeleireiros. Em nome de todo o grupo o nosso obrigado”, agradeceu o cabeleireiro nas redes sociais. “Vamos dar continuidade a ajudar quem mais precisa”, acrescenta.

A Refood é uma instituição de apoio às pessoas mais carenciadas, dando apoio a nível alimentar.

Continuar a ler

Populares