Seguir o O MINHO

Aqui Perto

Proibidas novas plantações de eucalipto na Galiza até 2026

Ambiente

em

Foto: DR

É oficial. A disposição transitória da Lei de Recuperação da Terra Agrária da Galiza, que proíbe novas plantações de eucalipto em massa naquela região autónoma de Espanha, entrou hoje em vigor, até 31 de dezembro de 2025. As que já existiam podem continuar a replantar.

A informação é avançada pelo jornal La Voz de Galícia, dando conta da possibilidade de exceções em função dos dados que vão atualizando o Inventário Florestal Contínuo e que apontam para uma área da Galiza ocupada por eucaliptos de cerca de 300.500 hectares. O objetivo é reduzir essa área em 20.000 hectares ao longo dos próximos 20 anos.

Fontes do Meio Ambiente explicaram àquele jornal que há ainda a necessidade de informação atualizada para poder articular as políticas nos montes galegos, uma vez que o inventário disponível de 2018 não se adapta à realidade minifundiária da Galiza (à semelhança da praticada no Minho).

“Há parcelas únicas que, na realidade, são 36 parcelas de diferentes proprietários”, exemplifica a fonte, ansiando a “distribuição equilibrada de espécies e usos de acordo com as exigências estabelecidas no Pacto Verde e na Estratégia para a Biodiversidade da União Europeia.

A moratória, que pretende assegurar o equilíbrio das espécies plantadas na região, muito procurada por grandes empresas internacionais, como é o caso da portuguesa Navigator, recebeu muitas críticas no Parlamento, tanto do PS da Galiza como do Bloco Nacional (esquerda independentista), prevê a continuidade de plantação nos terrenos onde já existiam plantações legais de eucalipto, ou até mesmo em parcelas pequenas onde a árvore é dominante.

Populares