Prisão preventiva para o homem que esfaqueou ex-companheira em Arcos de Valdevez

Foto: Ilustrativa

O homem que, no domingo, esfaqueou a sua ex-companheira, em Arcos de Valdevez, e foi detido, esta quinta-feira, pela Polícia Judiciária de Braga, ficou em regime de prisão preventiva ao princípio desta noite.

O arguido, tal como a vítima, de nacionalidade brasileira, está fortemente indiciado pela prática dos crimes de homicídio qualificado na forma tentada e de violência doméstica, segundo referiu a Polícia Judiciária de Braga.

Como O MINHO noticiou, os factos foram cometidos ao final da tarde de domingo, na localidade de Paçô, em Arcos de Valdevez, no interior da habitação onde agressor e vítima residiam, esta última com 60 anos, mas que já não corre perigo de vida.

Segundo a Polícia Judiciária de Braga, o suspeito, que andou fugido até ser detido esta quinta-feira, foi companheiro da vítima e na sequência de desentendimento verbal motivado por ciúmes, golpeou a mulher, na zona da cabeça, pescoço e mãos, com um objeto corto-perfurante.

Ainda de acordo com a Polícia Judiciária de Braga, a rápida intervenção de um vizinho, que interrompeu a agressão e retirou a arma branca ao agressor, assim como o rápido encaminhamento da vítima para o hospital, evitaram eventualmente a morte da mulher.

 
Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

Rubén de la Barrera quer um Vizela "dominante e competitivo"

Próximo Artigo

Os números do Euromilhões

Artigos Relacionados
x