Seguir o O MINHO

Viana do Castelo

Primeiros cinco trajes à Vianesa com selo assinalam início de confeção certificada

em

O início da confeção do Traje à Vianesa, de acordo com o Caderno de Especificações, foi hoje assinalado em Viana do Castelo com a apresentação pública dos primeiros cinco exemplares que ostentam a etiqueta de certificação, concluída em 2016.

Os trajes de Areosa, Afife, Santa Marta de Portuzelo, Geraz do Lima e o traje azul escuro mais conhecido como o de Dó, confecionados por três artesãs de Viana do Castelo, foram os exemplares hoje apresentados numa sessão que decorreu no Museu do Traje, em pleno centro da cidade, sendo que um deles irá integrar o espólio da Casa do Minho do Rio de Janeiro, no Brasil.

Presente na sessão, o presidente da Câmara de Viana do Castelo justificou aquela certificação com o “receio de que se pudesse adulterar uma verdadeira maravilha da arte humana”.

“Esta primeira fase está consolidada. A partir de agora, vamos transformar o Traje à Vianesa em património nacional e depois o futuro o dirá”, afirmou José Maria Costa.

Em agosto de 2017, durante a Romaria d’Agonia, o autarca socialista anunciou a intenção de candidatar o Traje à Vianesa a Património Nacional, classificação que justificou com a “autenticidade, beleza e simbolismo” do primeiro traje certificado do país.

A certificação do traje à Vianesa, com origem no século XIX, foi publicada em Diário da República no final de 2016.

O processo foi adjudicado pela câmara municipal em maio de 2013 à Associação “Portugal à Mão”. O pedido de registo foi formalizado pela Câmara de Viana do Castelo em junho de 2015. Na ocasião, o executivo justificou a decisão de certificar o traje com a necessidade de evitar a “confusão” e a “apropriação” do mesmo por outras regiões.

Em fevereiro de 2017, foi apresentado o Caderno de Especificações do Traje à Vianesa, “um instrumento onde estão definidas as caraterísticas do Traje à Vianesa e listados, fundamentando, todos os parâmetros que pesaram para a sua certificação”.

Entre esses parâmetros constam um nome que identifique o produto e que, neste caso, terá derivações, referenciais histórico-geográficos que contextualizem a ocorrência e a continuidade da produção, a caracterização do produto desde a forma, dimensões, padrões, cores e desenhos predominantes), as matérias-primas utilizadas, modos de produção (técnicas, saberes, ferramentas e equipamentos).

O traje assume-se como um símbolo tradicional da região, nas suas várias formas, consoante a ocasião e o estatuto da mulher. Em linho e com várias cores características, onde sobressai o vermelho e o preto, foi utilizado até há cerca de 120 anos pelas raparigas das aldeias em redor da cidade de Viana do Castelo.

O desfile da Mordomia, que se realiza no primeiro dia Romaria da Agonia, que decorrem entre 17 a 20 de agosto, representa o momento em que os diferentes trajes das freguesias de Viana do Castelo se encontram e mostram, de uma só vez, à cidade.

Estima-se em cerca de 14 milhões de euros o valor das centenas de quilos de peças de ouro usadas pelas mordomas naquele desfile, que anualmente dá cor à cidade com os vermelhos, verdes e amarelos dos típicos e garridos trajes das diferentes freguesias.

Não faltam no desfile também os fatos de noiva de cor preta. Neste número, algumas das mulheres chegam a carregar dezenas de quilos de ouro, reunindo as peças de famílias e amigos num único peito, simbolizando a “chieira” (termo minhoto que significa orgulho) e outrora o poder financeiro das famílias.

Anúncio

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem O MINHO, jornal estritamente digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O MINHO é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Inspirados na filosofia seguida pelo jornal inglês "The Guardian", um dos mais importantes órgãos de comunicação do Mundo, também nós achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler O MINHO, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar O Minho - e só demora um minuto. Obrigado.

Viana do Castelo

Moullinex e Xinobi atuam no FeelViana em formato b2b

Concerto marcado para 01 de junho em Viana do Castelo

em

Foto: DR

Nomes incontornáveis da eletrónica portuguesa, Moullinex e Xinobi estão de regresso a Viana do Castelo no dia 1 de junho, para mais uma edição de “Sunsets by the Pool”, com uma atuação que marca o primeiro evento musical da temporada de 2019.

Os “Sunsets by the Pool”, dinamizados pela marca FeelViana, contam, este ano, com um b2b dos dois artistas.

Os músicos, que se juntaram em 2007 para trazer uma nova vida à música eletrónica portuguesa com a criação da editora Discotexas, contam já com uma projeção pelo mundo, e trabalharam e remisturaram nomes como Røyksopp, Cut Copy, Two Door Cinema Club, SBTRKT, Toro Y Moi, Nicolas Jaar e Riva Starr.

Os bilhetes são limitados e encontram-se disponíveis online através da plataforma xceed.

O evento “Sunsets by the Pool – Moullinex & Xinobi” tem lugar dia 1 de junho, no FeelViana Sport Hotel entre as 18:00 e as 22:00.

Continuar a ler

Viana do Castelo

Viana Florida: Feira das Flores e Jardinagem decorre durante três dias no jardim público

Várias iniciativas

em

Foto: DR/Arquivo

A edição 2019 da Feira de Flores e Jardinagem, integrada no programa municipal Viana Florida, vai decorrer entre a próxima sexta-feira e domingo no jardim público de Viana do Castelo, informou hoje a Câmara local.

A feira, que abre portas na sexta-feira, às 18:00, integra várias iniciativas como um ‘showcooking’, intitulado “Aromatizar refeições práticas”, e ‘workshops’ sobre flores e plantas.

A feira conta ainda com música, pelo grupo “Viana Vocale”, no coreto do jardim público, bem como atividades infantis, como insufláveis, pinturas faciais, entre outras.

Ainda no sábado o programa inclui, no Mercado Municipal, um ‘workshop’ sobre arte floral, um roteiro pelos jardins da cidade e, pelas 16:00, no Estação Viana Shopping, a inauguração da instalação artística “Natureza em Suspenso”, de Madalena Martins.

Continuar a ler

Viana do Castelo

Câmara de Viana atribui apoio anual de quase 300 mil euros a 26 associações

Protocolos

em

Foto: CM Viana do Castelo/Divulgação

A Câmara Municipal de Viana do Castelo informou hoje ter assinado protocolos na área social que implicam um apoio anual de quase 300 mil euros a ser distribuído por 26 associações ou juntas de freguesia do concelho.

Os acordos, assinados pelo autarca José Maria Costa e a pela vereadora com o pelouro da Coesão Social, Carlota Borges, representam “um apoio mensal global superior a 24 mil euros por parte da autarquia”.

Os protocolos “preveem, entre outros, apoios para a comparticipação de rendas e transportes de utentes, comparticipação das despesas com programas de reabilitação e administração de centros de convívio, apoiando igualmente necessidades específicas e pontuais de famílias sinalizadas”.

O município vai “também apoiar a prestação de serviços de alimentação e higiene a munícipes carenciados e apoiar o financiamento de Projetos de Intervenção Comunitária, entre outros”.

Continuar a ler

EM FOCO

Anúncio

ÚLTIMAS

Patrocinado

Reportagens da Semana

Populares