Seguir o O MINHO

Braga

Prestação Social para a Inclusão atribuída a 1.141 pessoas no primeiro mês

em

Foto: DR/Arquivo

A Prestação Social para a Inclusão, em vigor há um mês, já apoiou 13.129 pessoas com deficiência ou incapacidade, revelam dados do Instituto da Segurança Social (ISS) esta segunda-feira divulgados, 1.141 das quais residem em Braga.

As estatísticas do ISS incluem pela primeira vez esta nova prestação que visa garantir às pessoas com deficiência ou incapacidade o cumprimento dos seus direitos em situação de igualdade de oportunidades.

Esta prestação “visa compensar os encargos gerais acrescidos que resultam da situação de deficiência, tendo em vista promover a autonomia e inclusão social da pessoa com deficiência, combater a pobreza das pessoas com deficiência e compensar encargos específicos resultantes da situação de deficiência”, adianta o Gabinete de Estratégia e Planeamento na síntese estatística que acompanha os dados.

“No mês da implementação da componente base, registaram-se 13.129 processamentos”, sublinha o documento.

A maior parte dos beneficiários da Prestação Social para a Inclusão reside em Lisboa (3.277), seguindo-se o Porto (2.478), Braga (1.141) e Aveiro (968).

A Prestação Social para a Inclusão, com uma componente base de 264 euros, é atribuída a todas as pessoas com deficiência ou incapacidade igual ou superior a 80 por cento.

A componente base poderá ser acumulada com rendimentos de trabalho e será atribuída independentemente do nível de rendimentos dos beneficiários, no caso de pessoas com deficiência ou incapacidade igual ou superior a 80 por cento.

Para graus de incapacidade iguais ou superiores a 60% e inferiores a 80%, a componente permite a acumulação com rendimentos da pessoa com deficiência ou incapacidade.

O valor de referência para a componente base é de 3.171,84 euros por ano e o limiar de acumulação para rendimentos de trabalho é de 8.500 euros anuais, valor acima do qual há direito a benefícios fiscais.

O limiar de acumulação com rendimentos não profissionais é de 5.084,30 euros por ano.

A atribuição da prestação depende da apresentação de requerimento, em modelo próprio, junto das entidades gestoras competentes da segurança social, devidamente instruído com os elementos de prova relativos às condições de atribuição.

O titular da prestação deve declarar os seus rendimentos, bem como a composição do seu agregado familiar e respetivos rendimentos.

A prova de deficiência e a atribuição do grau de incapacidade é efetuada através de atestado médico de incapacidade multiuso.

Anúncio

Braga

Casa arde na cidade de Braga

Em Real

em

Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO

Uma casa desabitada está a ser consumida pelas chamas em Real, cidade de Braga, disse a O MINHO fonte dos bombeiros.

O alerta foi dado às 20:59, para a interceção entre a Rua Costa Gomes e a 5 de Outubro, segundo fonte da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, mobilizando 21 operacionais e seis viaturas.

No local estão vários elementos da Companhia de Bombeiros Sapadores de Braga e dos Bombeiros Voluntários de Braga, procedendo à extinção das chamas. Uma equipa dos Bombeiros de Amares foi acionada para o local uma vez que há ainda perigo de se alastrar para habitações contíguas.

Pelas 21:43, o incêndio encontrava-se “dominado”, mas ainda não extinto.

“Para já, não há registo de feridos”, disse a mesma fonte, podendo ainda existir alguma vítima por entre os escombros.

A PSP está no teatro de operações.

(em atualização)

Continuar a ler

Braga

PSP deteve dois jovens suspeitos de furtos em centro comercial em Braga

Rapariga e rapaz de 18 e 19 anos detidos.

em

Foto: DR / Arquivo

A Polícia de Segurança Pública (PSP) deteve dois jovens por furto de artigos num valor superior a 200 euros em várias lojas de um centro comercial de Braga, anunciou hoje aquela força.

Os detidos são uma rapariga de 19 anos e um rapaz de 18.

A PSP apreendeu ainda um alicate utilizado para retirar os alarmes dos artigos furtados, que estava na posse da suspeita.

Os detidos foram notificados para comparecerem nos Serviços do Ministério Público junto do Tribunal Judicial da Comarca de Braga.

Continuar a ler

Braga

Homem em estado grave após atropelamento em Braga

Vítima de 35 anos

em

Foto: Facebook do grupo "Moina na Estrada"

Um homem, de 35 anos, sofreu ferimentos graves na sequência de um atropelamento, esta tarde, em Braga.

O sinistro ocorreu por volta das 16:40 junto à rotunda da Rodovia, naquela cidade.

Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO

Ao local acorreram os Bombeiros Voluntários de Braga, a VMER e a Mota de Emergência Médica do INEM.

Desconhecem-se as causas do atropelamento, mas a vítima terá sido colhida fora de passadeira.
Foi transportada para o Hospital de Braga.
A PSP registou a ocorrência.

Continuar a ler

Populares