Presidente de Vizela acusa rádio local de estar “ao serviço de putativa candidatura” autárquica

A Câmara Municipal de Vizela divulgou esta quarta-feira em comunicado publicado no seu site “o seu desagrado” com a forma como a rádio Vizela, rádio e jornal do concelho, tem informado a população local, acusando aquele que é o único orgão de informação local de estar”ao serviço de uma putativa candidatura”.

“A gota de água surge hoje no título publicado no site da rádio Vizela “Oposição “salva” edil de moção de censura da bancada PS”, quando, na realidade, deveria ser “moção morreu na praia”, conforme refere a parte final do texto da notícia”, afirma Dinis Costa, que assina aquela nota.

Para o presidente da Câmara de Vizela, “mais uma vez se denota que este órgão de comunicação social local faz manchete com títulos sensacionalistas“.

“Também tem sido prática deste órgão de comunicação social local fazer notícias de qualquer assunto, sem conceder o direito ao contraditório e ao apuramento dos factos. E, falando de factos, a pretendida apresentação da moção na última sessão da Assembleia Municipal seria sempre um ato inócuo e absurdo, sem consequências práticas, considerada a legitimidade direta de cada órgão autárquico”, conclui.

Na reunião da Assembleia Municipal desta terça-feira, o Partido Socialista, que apoiou Dinis Costa nas duas últimas eleições para a Câmara Municipal, apresentou uma moção de censura ao executivo. O PS viria a ser o único partido a votar favoravelmente a proposta, pelo que a moção foi chumbada.

Vítor Hugo Salgado, que até este ano ocupou o lugar de vice-presidente da Câmara, eleito pelo PS, anunciou em maio a sua candidatura às próximas eleições autárquicas.

 

 

logo Facebook Fique a par das Notícias de Vizela. Siga O MINHO no Facebook. Clique aqui

 
Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

Governo adia fim do período crítico de incêndios para 15 de outubro

Próximo Artigo

Largos e praças de Viana recebem mais um “Largo da Música – Festival 4X4”

Artigos Relacionados
x