Seguir o O MINHO

Cávado

Presidente da Câmara de Esposende já recuperou da covid-19

Covid-19

em

Foto: DR

O presidente da Câmara de Esposende já estará recuperado da infeção por covid-19 que o afastou do trabalho presencial da autarquia ao longo das duas últimas semanas.


Em texto publicado nas redes sociais, Benjamim Pereira explica que, na passada sexta-feira, toda a família recebeu alta do isolamento obrigatório decretado pelo delegado de saúde do ACES.

“Quero, em primeiro lugar, agradecer a todos aqueles que, por parte das autoridades de saúde, fizeram o trabalho de acompanhamento, pois foram sempre muito profissionais e diligentes. Em segundo lugar, quero agradecer a todos pelo apoio que nos deram e pelas palavras de incentivo. Tal como já tive oportunidade de dizer, fiquei verdadeiramente sensibilizado com as inúmeras manifestações de apoio. Isso ajudou-nos muito a ultrapassar este momento menos bom”, disse.

Benjamim Pereira deixa ainda uma palavra a “todos aqueles que se encontram em recuperação” para que essa seja “rápida e sem sobressaltos”.

Recorde-se que o autarca sentiu a temperatura “anormalmente elevada” no passado dia 11 de outubro. Isolou-se, e no dia 13 recebeu o resultado positivo ao coronavírus.

Desde então, esteve a trabalhar a partir de casa.

Anúncio

Cávado

Esposende apoia associações do concelho com 170 mil euros

Política

em

Foto: O MINHO / Arquivo

A câmara de Esposende vai apoiar instituições e coletividades do concelho com perto de 170 mil euros, contemplando apoio diretos e isenção de taxas e pagamento de seguros, foi hoje divulgado.

Em comunicado, aquela autarquia explica que os apoios serão dados aos bombeiros de Fão e de Esposende, à Santa Casa da Misericórdia, ao Centro de Intervenção Cultural e Social de Palmeira de Faro, ao Centro Social da Juventude Unida de Marinhas, e ao Centro Social da Juventude de Mar.

Além daquelas associações, a autarquia vai, em caso de haver pedidos nesse sentido, isentar de taxas associações religiosas, culturais, desportivas e recreativas, instituições particulares de solidariedade social, escolas e agrupamentos de escolas, desde que legalmente constituídas.

Segundo o texto, a câmara “vai assegurar diretamente” os encargos financeiros referentes aos seguros de acidentes de trabalho, da frota automóvel, de responsabilidade civil de transporte de doentes e das embarcações das associações.

No caso da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Esposende, o apoio será de 9.770 euros e à Benemérita Associação dos Bombeiros Voluntários de Fão será de 9.976 euros.

A Santa Casa da Misericórdia de Esposende será contemplada com um apoio no montante de 11.124 euros, “destinados a financiar a requalificação em curso das suas valências e do espaço infantil”, e a Santa Casa da Misericórdia de Fão vai receber 25 mil euros, “destinados à requalificação dos espaços de lavandaria”.

O Centro de Intervenção Cultural e Social de Palmeira de Faro receberá o apoio financeiro de 10.750 euros, “como comparticipação de 50% da aquisição de uma viatura de nove lugares, para o transporte dos seus utentes”, assim como o Centro Social de Belinho vai receber 13.508 euros, também o referente a 50% do valor de um veículo de nove lugares.

Ao Centro Social da Juventude Unida de Marinhas a autarquia dará um subsídio de 31.871 euros, para a obras de requalificação para acolher a Academia Mente Ativa.

Já o Centro Social da Juventude de Mar irá receber o montante de 57.810 euros, para comparticipar em 50% o valor para aquisição de um autocarro.

Continuar a ler

Barcelos

Barcelos vai ter passadiço pedonal na margem direita do Cávado

Turismo

em

Foto: Divulgação / CM Barcelos
A margem direita do rio Cávado vai ter um passadiço pedonal de 1.353 metros entre a frente ribeirinha e a zona do Quinta do Brigadeiro, foi hoje anunciado.
O projeto será construído quase todo em terrenos de domínio público, tendo apenas uma parcela pertencente a particulares da qual já foi feita escritura de constituição de servidão administrativa a favor do Município, no que constitui o primeiro passo para a execução do referido projeto.
Em comunicado, a autarquia de Barcelos aponta o valor base de 1.755.784,55 euros acrescido de IVA, e um prazo de execução de 15 meses, explicando ainda que “o projeto constitui a primeira fase de um percurso mais amplo que, numa segunda fase, abarcará 1.748 m de extensão, na concordância com a frente ribeirinha da cidade de Barcelos e até à Quinta do Brigadeiro”.
“A operação integra o Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano (PEDU) Barcelos 2020, na PI 4.5 (Mobilidade Sustentável), tendo um apoio financeiro do FEDER, já aprovado, de 1.173.076,80 euros. Tem como objetivo específico promover a mobilidade urbana ambiental e energeticamente mais sustentável, num quadro mais amplo de descarbonização das atividades sociais e económicas e de reforço das cidades enquanto espaços privilegiados de integração e articulação de políticas e âncoras de desenvolvimento regional”, refere a mesma nota.
O projeto do passadiço, terá uma área de intervenção de 27.000 metros quadrados, dos quais 26.663,70 metros quadrados situam em espaço público, articulará com a rede de ciclovias com vários troços e que têm como principal enfoque o núcleo urbano central.

Continuar a ler

Barcelos

Juiz manda prender dois suspeitos de tráfico de droga detidos em Barcelos

Outros dois detidos sujeitos a apresentações periódicas nas autoridades

em

Foto: Ilustrativa / DR

Dois dos quatro suspeitos por tráfico de droga detidos numa operação policial em Barcelos, no passado domingo, ficaram em prisão preventiva.

Após terem sido presentes no Tribunal Judicial de Famalicão, foi-lhes aplicada a medida de coação mais gravosa e foram encaminhados para o Estabelecimento Prisional de Vale do Sousa.

Os outros dois suspeitos ficaram sujeitos a apresentações periódicas no posto policial da sua área de residência.

Como O MINHO noticiou, três homens entre os 17 e os 28 anos e uma jovem de 20, foram detidos, em flagrante delito, por tráfico de droga, no domingo, em Barcelos.

Quatro detidos em flagrante por tráfico de droga em Barcelos

Em comunicado, o Comando Territorial de Braga, referia que, no âmbito de uma investigação do NIC de Barcelos, os militares deram cumprimento a oito mandados de busca, cinco domiciliárias e três em veículos, que, para além dos quatro detidos, permitiram a constituição de arguido de um homem de 22 anos pelo mesmo crime e por posse de arma proibida.

Da operação resultou a apreensão de 104 doses de haxixe, 12 doses de cocaína, seis doses de folhas de canábis, um taser, uma pistola de salva, uma caçadeira adaptada para munição real, 48 munições de vários calibres, uma soqueira, duas balanças digitais, sete telemóveis e 470 euros em numerário.

Dois dos detidos tinham antecedentes criminais por tráfico de droga.

A operação contou com o reforço dos Destacamentos de Intervenção (DI) de Viana do Castelo e Braga, da estrutura de Investigação Criminal do Comando Territorial de Braga e do Destacamento Territorial de Barcelos.

Continuar a ler

Populares