Seguir o O MINHO

Futebol

Presidente Armando Silva recusa recandidatura à liderança do Desportivo das Aves

Futebol

em

I Liga

O presidente Armando Silva recusou a recandidatura às eleições dos órgãos sociais do Desportivo das Aves para o biénio 2020-2022, em 27 de junho, anunciou hoje o líder do último classificado da I Liga de futebol.


“Atingi um desgaste pessoal e profissional grande. Sinto-me satisfeito e orgulhoso por todo o trabalho que fiz enquanto presidente em prol do clube, do qual sou sócio há 40 anos. Chegou o momento de dar lugar a outras pessoas”, justificou ​​​​​​​o dirigente em comunicado.

Na liderança avense desde a temporada 2010/11, Armando Silva, de 56 anos, foi reeleito sem oposição em abril de 2018, com 90% dos votos, dois meses antes de assistir a mudanças na administração da SAD, na qual detém 10% de capital desde agosto de 2015, face aos restantes 90% controlados pelo grupo de investidores ‘Galaxy Believers’.

“Desde a minha chegada passámos por momentos difíceis e importantes, como a criação obrigatória da SDUQ [Sociedade Desportiva Unipessoal por Quotas] e a passagem a SAD [Sociedade Anónima Desportiva] numa assembleia geral histórica. Construí o complexo, que aumentou a qualidade do futebol de formação e deu mais dignidade ao clube”, frisou.

Recordando que “todo o restante património permanece na posse do clube sem qualquer ónus”, Armando Silva congratula-se pelo trabalho realizado fora do âmbito do futebol profissional, no qual coordenou diversas campanhas do Desportivo das Aves na II Liga, antes do regresso consumado ao principal escalão em 2016/17.

“Mantive o futsal masculino e feminino, criámos a secção de voleibol feminino e somos um clube certificado pela Federação Portuguesa de Futebol. Nesta minha saída, agradeço a todos os que me acompanharam ao longo destes anos e fico com uma grande certeza: não farei a outros o que me andam a fazer nestes últimos meses”, apontou.

O sufrágio deveria ter ocorrido em 09 de maio e foi suspenso três semanas antes devido à pandemia de covid-19, sem candidaturas anunciadas e em articulação com as restrições sanitárias, transitando do estádio para o pavilhão do emblema de Santo Tirso, que ocupa o último lugar da I Liga, com 13 pontos em 24 jornadas, nove abaixo da zona de salvação.

O Desportivo das Aves trabalha na máxima força para a receção ao Belenenses SAD, 13.º colocado do campeonato, com 26 pontos, em 05 de junho, à exceção de um jogador que permanece em isolamento e cuja identidade não foi revelada, após ter apresentado na segunda-feira um resultado inconclusivo no segundo teste de despistagem à covid-19.

Os nortenhos têm atravessado uma série de contrariedades desportivas, diretivas e financeiras desde agosto e podem perder dois a cinco pontos pelo atraso salarial verificado entre dezembro de 2019 e fevereiro de 2020, que a SAD justificou com a paralisação da atividade económica na China, motivada pelo novo coronavírus.

O processo seguiu da Liga de clubes para o Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol em 03 de abril, originando as rescisões unilaterais do guarda-redes francês Quentin Beunardeau e do avançado brasileiro Welinton Júnior, enquanto a administração do chinês Wei Zhao liquidava verbas aos plantéis principal e sub-23.

Anúncio

Futebol

Artur Jorge convoca jovens Fabiano, Samuel Costa e Sanca no Braga

Convocatória

em

foto: Divulgação / SC Bragal

O treinador interino do SC Braga, Artur Jorge, convocou hoje os jovens Fabiano, Samuel Costa e Sanca para a receção ao Desportivo das Aves, sábado, da 30.ª jornada da I Liga de futebol.

Fabiano é um lateral direito brasileiro de 20 anos que, na época que findou recentemente, alinhou na equipa B. Com a mesma idade, Sanca é um extremo que jogou sobretudo nos sub-23, mas também na equipa secundária dos minhotos.

Artur Jorge chamou ainda o jovem médio Samuel Costa (19 anos, equipa B e sub-23), sendo que este, ao contrário dos dois primeiros, não é uma estreia nas convocatórias da equipa principal.

O técnico que substituiu Custódio Castro na quarta-feira, após o desaire em Vila do Conde, diante do Rio Ave (4-3), não vai poder contar com Esgaio, Fransérgio e Rolando, castigados, nem com Sequeira e Tormena, lesionados.

Wilson Eduardo, que hoje se despediu do clube cinco épocas depois (o seu contrato terminava a 30 de junho e não foi renovado), também sai da lista de convocados.

O defesa central Wallace, ausente das opções há muito tempo, também terminou o seu vínculo aos bracarenses e deixou de integrar igualmente (no dia 01 de julho) os trabalhos da equipa principal.

SC Braga, quarto classificado, com 50 pontos, e Desportivo das Aves, 18.º e último, com 14, defrontam-se a partir das 21:30 de sábado, no Estádio Municipal de Braga, jogo que será arbitrado por Manuel Mota, da associação de Braga.

Lista dos 21 convocados:

– Guarda-redes: Matheus, Eduardo e Tiago Sá.

– Defesas: Pedro Amador, Fabiano, David Carmo, Bruno Viana, Bruno Wilson, Raul Silva e Diogo Viana.

– Médios: Samuel Costa, André Horta, João Novais, Palhinha.

– Avançados: Sanca, Abel Ruiz, Ricardo Horta, Paulinho, Trincão, Rui Fonte e Galeno.

Continuar a ler

Futebol

Wilson Eduardo já não é jogador do SC Braga

Mercado

em

Foto: Divulgação / SC Braga

Wilson Eduardo, que terminava contrato a 30 de junho, já não é jogador do SC Braga, revelou hoje o clube minhoto, quarto classificado da I Liga de futebol.

A poucos dias de completar 30 anos, Wilson Eduardo despede-se do clube no qual jogou nas últimas cinco temporadas e pelo qual realizou 154 partidas e marcou 45 golos.

Numa nota de agradecimento ao jogador no seu sítio oficial, o SC Braga considera que “há atletas que deixam a sua marca na história de um clube” e que o jogador luso-angolano “é, sem dúvida, um deles”.

Os responsáveis ‘arsenalistas’ lembram ainda que “a sua liderança e dedicação ao clube levaram-no a ser um dos capitães” nas últimas temporadas.

“São tantos os momentos, tantas as alegrias, tantas as emoções que o camisola 7 proporcionou, que terá para sempre um lugar no coração de todos os bracarenses. Marcou a diferença pela sua irreverência e contribuiu para as conquistas da Taça de Portugal em 2016 e da Taça da Liga esta temporada”, pode ler-se.

Continuar a ler

Futebol

Sporting cria grupo para estudar introdução do sistema de I-Voting

Projeto de reforma estatutária

em

Foto: DR / Arquivo

O Sporting criou um grupo de trabalho para apresentar um projeto de reforma estatutária, destinada a prever a introdução do sistema de I-Voting, anunciou hoje o clube em comunicado.

Em comunicado, o Sporting refere o grupo de trabalho será presidido pelo presidente da Mesa da Assembleia-Geral, Rogério Alves, e deverá apresentar o projeto de reforma até 31 de julho.

O clube explica que “o I-Voting permitirá uma muito mais ampla e regular participação dos sócios na vida do clube, uma vez que possibilitará o voto ‘quando quiser e onde estiver’”, garantindo que “caberá aos Sócios deliberarem e terem a palavra final sobre o que vier a ser proposto”.

Continuar a ler

Populares