Seguir o O MINHO

Aqui Perto

Póvoa de Varzim vai reabilitar Aqueduto de Santa Clara

Aqui perto

em

Foto: CM Póvoa de Varzim

A Câmara da Póvoa de Varzim vai investir cerca de 600 mil euros para reabilitar a parte poveira do Aqueduto de Santa Clara, património classificado como Monumento Nacional que inicia em Terroso e passa pelas freguesias de Beiriz e Argivai, até chegar ao mosteiro de Santa Clara, já no concelho de Vila do Conde, foi hoje revelado.

O investimento surge após candidatura na área do Património Cultural no âmbito do Programa Operacional Regional NORTE 2020 e foi ontem submetido a concurso público, após aprovação em reunião de executivo municipal.

Em comunicado enviado a O MINHO, a autarquia explica que a Direção-Geral do Tesouro e Finanças “autorizou o Município da Póvoa de Varzim a proceder à execução da consolidação do monumento, bem como a recuperação da sua envolvente com a criação de áreas de lazer e descanso, com bancos públicos e espaços verdes”.

Aires Pereira, presidente da Câmara, informou que, na última semana, o Tribunal Administrativo do Círculo do Porto decidiu definitivamente – e de modo favorável para a Câmara Municipal da Póvoa de Varzim – o diferendo que levou à aplicação de multas à empresa Norcep.

Segundo o edil, a cobrança destas multas “foi provocada pelo incumprimento da empresa na execução da obra do Centro de Atendimento Municipal”.

De acordo com o portal do município da Póvoa de Varzim, consultado hoje por O MINHO, o aqueduto foi construído entre 1705 e 1714, comportando um total de 999 arcos que ajudavam a transportar água desde uma nascente em Terroso até ao mosteiro de Santa Clara, em Vila do Conde.

Populares