Seguir o O MINHO
[the_ad id='438601']

Póvoa de Lanhoso

Póvoa de Lanhoso aderiu ao Pacto para a Conciliação

Objetivo é facilitar a conciliação da vida pessoal e laboral dos funcionários

em

Foto: CM Póvoa de Lanhoso

A Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso é uma das poucas autarquias do país que aderiu ao Pacto para a Conciliação, que é um projeto – piloto lançado pelo Governo no âmbito do “3 em Linha – Programa para a Conciliação entre a Vida Profissional, Pessoal e Familiar”.

“O município da Póvoa de Lanhoso foi convidado pela CIG – Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género para aderir ao Pacto de Conciliação devidos às nossas boas práticas nesta área. De realçar que a autarquia de Póvoa de Lanhoso já recebeu uma menção honrosa e o prémio Viver em Igualdade. Tendo em conta a norma portuguesa para a conciliação NP4552:2016, estamos a participar em sessões de trabalho e em formação relativa à mesma”, refere a Vereadora da Educação, Gabriela Fonseca.

Mais de 50 organizações públicas e privadas assinaram este Pacto, que visa facilitar a conciliação da vida pessoal e laboral dos funcionários, entidades essas comprometidas em integrar o objetivo da conciliação na sua estratégia e processos, através da implementação de um sistema de gestão da conciliação.

Com a assinatura deste pacto, o Município da Póvoa de Lanhoso assume esse compromisso, implementando um sistema de certificação de um modelo de gestão, baseado na norma portuguesa NP4552:2016, que visa a gestão da conciliação entre a vida profissional, familiar e pessoal dos colaboradores e das colaboradoras.

Este processo passa pela definição de metas, recursos, responsabilidades e processos de monitorização, em áreas como a organização do trabalho, o apoio profissional, o desenvolvimento pessoal e os benefícios para a conciliação.

Populares