Seguir o O MINHO

Desporto

‘Trio à minhota’ leva Portugal ao pódio em seniores femininos nos Europeus de corta-mato

Dulce Félix, oitava, Salomé Rocha, 10.ª, e Susana Francisco, 25.ª, não falharam

em

Foto: Divulgação / FP Atletismo

Portugal conseguiu hoje a medalha de bronze em seniores femininos nos Europeus de corta-mato, que decorreram no Parque da Bela Vista, em Lisboa, mesmo apresentando uma equipa de apenas três elementos, composto por duas minhotas e uma atleta do SC Braga.

Dulce Félix (Guimarães), oitava, Salomé Rocha (Vizela), 10.ª, e Susana Francisco (Torres Vedras mas representa o SC Braga), 25.ª, não falharam – bastava uma desistência para a equipa não pontuar – e totalizaram 43 pontos, fechando um pódio em que também ficaram a Grã-Bretanha, primeira com 26, e a Irlanda, segunda, com 41.

Inicialmente, Portugal tinha selecionadas ou pré-selecionadas seis atletas, mas desse grupo de elite só as minhotas Dulce Félix e Salomé Rocha aceitaram o convite. As outras, por planificação da época ou lesão, acabaram por ficar de fora, o que abriu lugar a Susana Francisco, a melhor na prova de observação, há duas semanas.

Aos 37 anos, e já com quatro medalhas individuais no palmarés, Dulce Félix ainda mostra garra para ser oitava, em 28.09 minutos, enquanto que Salomé Rocha, dois lugares atrás, gastou 28.13.

Susana Francisco (eu representa o SC Braga), com 29.08 minutos, foi 25.ª e cumpriu na perfeição a missão de fechar a equipa, com 43 pontos, menos 10 que a Turquia, da campeã individual Yasemin Can.

Sem oposição de relevo na corrida, Can conseguiu um inédito quarto triunfo consecutivo em femininos, em 26.52 minutos, 15 segundos à frente de Karolin Bjerkeli Grovdal.

A norueguesa de 29 anos também tem fortes razões para sorrir, já que chega à prata após quatro medalhas de bronze.

No terceiro lugar, com 27.43 minutos, entrou a sueca Samrawit Mengsteab.

Anúncio

Futebol

Vitória: Defesa ex-Aston Villa, campeão europeu sub-19 com Marcus Edwards, é reforço

Easah Sulimani

em

Foto: Divulgação / Vitória SC

O defesa-central inglês Easah Sulimani reforçou hoje o Vitória SC, da I Liga portuguesa de futebol, tendo assinado um contrato válido até ao final da época 2023/24, informou o clube em nota no sítio oficial.

Campeão europeu sub-19, em 2017, juntamente com o agora colega de equipa Marcus Edwards, o jogador, de 21 anos, chegou do Aston Villa, com o clube que milita na I Liga inglesa a manter 30% do passe e o emblema vimaranense a ficar com os restantes 70%, indicou a mesma nota.

Formado no Aston Villa, o central jogou pela equipa sub-23 do clube da cidade de Birmingham e representou também as equipas inglesas do Cheltenham Town e do Grismby Town e os holandeses do Emmen. Na presente temporada, não realizou ainda qualquer jogo oficial.

Easah Suliman é o primeiro reforço dos minhotos no mercado de transferências em curso.

Continuar a ler

Futebol

Conselho de Disciplina instaura processo ao Sporting

Arremesso de tochas estará na base da penalização do clube de Alvalade

em

Foto: DR/Arquivo

O Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) instaurou, esta terça-feira, um processo disciplinar ao Sporting, na sequência dos incidentes registados no encontro com o Benfica, da I Liga.

A instauração do processo aos leões consta do mapa de castigos da 17.ª jornada da I Liga, divulgado esta terça-feira no sítio oficial da Liga Portuguesa de Futebol Profissional na Internet.

Na sexta-feira, durante o encontro, que o Benfica venceu por 2-0, com dois golos de Rafa, o árbitro Hugo Miguel foi obrigado a interromper a partida durante mais de cinco minutos, no início da segunda parte, devido ao arremesso de tochas e potes de fumo para o relvado.

Deste jogo resultaram ainda multas ao Benfica no total de 3.698 euros, por comportamento incorreto do público.

Durante o dérbi lisboeta, a Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) deu conta de pedido de reunião urgente com ministro da Administração Interna, que foi agendada para segunda-feira, dia 27 de janeiro, às 11:30.

Continuar a ler

Desporto

Portugal perde e diz adeus às ‘meias’ do Euro2020 de andebol

Com a Eslovénia

em

Foto: Twitter

A seleção portuguesa de andebol perdeu hoje com a Eslovénia, por 29-24, na terceira jornada do Grupo II da ronda principal do Europeu de andebol, e ficou afastada das meias-finais.

A ‘equipa das quinas’, que ao intervalo vencia por 15-14, ocupa o quinto lugar, a quatro pontos da Noruega (menos um jogo) e da Eslovénia, que lideram a ‘poule’.

Portugal, que na quarta-feira joga com a Hungria, na última jornada, pode ficar já hoje afastado também da luta pelo terceiro lugar, caso a Hungria, terceira classificada, vença a Suécia, sexta e última.

Continuar a ler

EM FOCO

Anúncio

PASSATEMPO

ÚLTIMAS

Reportagens da Semana

Populares