Seguir o O MINHO

Viana do Castelo

Politécnico de Viana apresenta conclusões de estudo sobre presença gás radão em edifícios

Ensino superior

em

Foto: DR / Arquivo

O Instituto Politécnico de Viana do Castelo (IPVC) vai promover, no dia 28, no auditório do Café Concerto do Teatro Sá de Miranda, um ‘workshop’ de encerramento do Projeto RnMonitor – “Radão em Portugal: situação atual e perspetivas futuras”, sobre a presença de gás radão em edifícios graníticos do Minho.


Em comunicado, o IPVC explicou esta quinta-feira que o projeto de investigação “RnMonitor: Infraestrutura de Monitorização Online e Estratégias de Mitigação Ativa do Gás Radão no Ar Interior em Edifícios Públicos da Região Norte de Portugal” resulta de uma parceria entre o Politécnico e a Câmara de Viana do Castelo.

O ‘workshop’ de encerramento vai contar com a presença de Alcides Pereira, diretor do LRN – Laboratório de Radioatividade Natural da Universidade Coimbra, que apresentará uma comunicação subordinada ao tema “Radão em Portugal: situação atual e perspetivas futuras”.

O gás natural é radioativo que pode acumular-se em ambientes interiores, como casas, escolas e locais de trabalho.

Anúncio

Alto Minho

Detido em Viana do Castelo com quase 700 doses de heroína, cocaína e haxixe

Crime

em

Foto: DR / Arquivo

A PSP deteve, esta quinta-feira, um homem de 44 anos, suspeito de tráfico de droga, em Viana do Castelo.

A detenção resultou de uma investigação que estava a ser levada a cabo nos últimos quatro meses.

Hoje, o dispositivo de Investigação Criminal do Comando Distrital de Viana do Castelo realizou três buscas domiciliárias, que culminaram na detenção do indivíduo, desempregado, residente na cidade de Viana do Castelo, e na apreensão de 120 doses de heroína, 381 doses de cocaína, 168 doses de haxixe e 100 euros em numerário, entre outros artefactos relacionados com o tráfico de droga.

Material apreendido. Foto: PSP

Segundo comunicado da PSP, o suspeito vendia droga diretamente a consumidores na cidade de Viana do Castelo, onde residente.

O suspeito vai ser hoje presente no Tribunal de Viana do Castelo para aplicação de medidas de coação.

Continuar a ler

Alto Minho

Nuno Araújo é o novo presidente do Conselho de Administração da APDL

Designado pelo governo

em

Foto: Verdadeiro Olhar / DR

O Ministério das Infraestruturas e Habitação designou hoje Nuno Araújo como presidente do Conselho de Administração da Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo (APDL) para o próximo triénio 2020-2022, anunciou a entidade portuária.

Presidido por Nuno Araújo, o conselho de administração mantém como vogais Cláudia Soutinho e Joaquim Gonçalves.

O novo presidente, que até agora exerceu funções como vogal na administração da APDL, substitui no cargo Guilhermina Rego, que terminou o seu mandato em dezembro de 2019, mas que se manteve em funções até 30 de junho.

A APDL é a entidade responsável pela jurisdição do Porto de Leixões, do Porto de Viana do Castelo e da Via Navegável do Douro.

Continuar a ler

Alto Minho

Chefe dos Bombeiros Sapadores de Viana homenageado pela Câmara

‘Bons Serviços e Dedicação’

em

Foto: Divulgação / CM Viana do Castelo

O Chefe João Dias Carvalho, dos Bombeiros Sapadores de Viana do Castelo, recebeu a medalha de “Bons Serviços e Dedicação” atribuída pela Câmara “pelo contributo para a dignificação da função pública e elevação do serviço municipal desde 1 de agosto de 1982”, informou hoje a autarquia.

João Dias de Carvalho, de 60 anos, natural do Pombal, está em Viana do Castelo desde 1972. Esteve no quartel dos Bombeiros Sapadores quase quatro décadas e, antes, tinha cumprido serviço militar e trabalhado no combate aos incêndios florestais. Era atualmente Chefe dos Bombeiros Sapadores e responsável pelas formações no quartel.
O presidente da Câmara de Viana do Castelo, José Maria Costa, referiu que esta era uma cerimónia “com muito significado”, visto que o Chefe João Carvalho “foi sempre uma pessoa exemplar”.

O autarca referiu que o bombeiro foi “exemplar na forma como tratava os colegas, exemplar a nível institucional e nas formações que prestava”.

Por isso, esta medalha simboliza “a gratidão, em nome do Município, por tudo o que fez pela comunidade vianense”. “Foi uma vida de dedicação, de serviço público, de amor ao próximo e à profissão”, vaticinou o autarca.

O homenageado frisou que sempre tentou respeitar “o compromisso” que assumiu quando entrou na corporação de sapadores, realçando ter sido “um privilégio” ter podido servir durante quatro décadas a comunidade.

O Comandante dos Bombeiros Sapadores de Viana do Castelo, António Cruz, destacou a dedicação do chefe, admitindo que “sei que ele não se vai desligar do quartel e que, apesar de sair em termos profissionais, vai deixar sempre o telemóvel ligado”.

O primeiro Comandante Operacional Distrital de Viana do Castelo, Marco Domingues, revelou ter sido “uma honra ter privado, nos últimos três anos, com o Chefe Carvalho”, que é uma figura “conhecida por todos” os bombeiros.

Já o Comandante Interino dos Bombeiros Voluntários de Viana do Castelo, Paulo Rodrigues, garantiu que João Dias de Carvalho “será sempre um exemplo, pela postura, brio e profissionalismo que sempre nos ensinou”.

Continuar a ler

Populares