Seguir o O MINHO

Alto Minho

Polícia Marítima apreende rede de pesca ilegal a pescador espanhol no rio Minho

Autoridade Marítima Nacional

em

Foto: AMN

Um pescador de nacionalidade espanhola foi ontem à noite multado por agentes do Comando-local da Polícia Marítima de Caminha por não estar a usar colete durante o exercício de pesca. Foi-lhe também apreendida uma rede de pesca proibida.

Em comunicado, a Autoridade Marítima Nacional salienta que o uso de colete de salvação é obrigatório na prática desta atividade, e que a contraordenação decorreu de uma fiscalização dirigida à pratica de atividade da pesca em pesqueiras no “Troço Internacional do Rio Minho”.

“Foi ainda detetada uma rede de tresmalho com cerca de 25 metros fundeada no Troço Internacional do Rio Minho, cuja utilização é proibida na área em causa, tendo a mesma sido apreendida como medida cautelar”, refere a AMN.

Nesta ação estiveram empenhados três elementos do Comando-local da Polícia Marítima de Caminha, apoiados por uma embarcação e uma viatura.

Populares