Seguir o O MINHO

Alto Minho

Organização do Arcos TT plantou hoje cerca de 1.700 árvores (uma por cada inscrito)

Dia Mundial da Árvore

em

Foto: DR

Uma árvore por cada inscrito. Foi esta a promessa realizada pelo Moto Clube de Arcos de Valdevez, em 2020, à Comissão de Baldios de S. Jorge, a serem plantadas naquela freguesia do concelho do Alto Minho.

A promessa foi cumprida este domingo, com elementos daquele clube motard a realizar a plantação de cerca de 1.700 pinheiros-mansos numa área de um hectare e meio, que estava coberta por mato, e que foi devidamente preparada ao longo do ano pela comissão para cultivo.

Filipe Guimarães, presidente do moto clube, revelou a O MINHO que a ideia da plantação surgiu durante o último Arcos TT, realizado a 07 de março de 2020, pouco antes do ‘rebentar’ da pandemia.

“A direção tomou a decisão de querer diminuir o impacto ambiental e associar isso ao evento, valorizando também aquilo que é a nossa terra”, disse o responsável, consciente de que “apesar do cuidado, um evento desta dimensão deixa algumas marcas ambientais por onde passa”.

Foto: DR

Foto: DR

Foto: DR

Foto: DR

Foto: DR

Foto: DR

O moto clube limpa “mais de cinco quilómetros de trilhos” para dar cumprimento à cautela ambiental.

O Arcos TT é uma concentração motorizada considerado o evento com maior visibilidade internacional daquele concelho, atraindo todos os anos participantes de 16 países. É também o evento que mais dinheiro movimenta no concelho, apesar de ser realizado em março, durante a chamada “época baixa”.

“Achamos por bem associar esta componente ambiental ao evento, e cada inscrição em 2020 valia uma árvore. Ao todo foram 1.525 os inscritos, e hoje honramos esse compromisso”, vincou Filipe Guimarães, revelando, no entanto, que forma plantados “cerca de 1.700 pinheiros-mansos”.

Dia Mundial da Árvore

“Celebramos também o Dia Mundial da Árvore, acho que foi o dia perfeito para plantar, com condições espectaculares”, acrescentou.

Para a plantação, a Associação de Baldios fez a preparação da parcela de terreno, e este domingo acompanhou a mesma, determinando o alinhamento dos pinheiros.

“O nosso trabalho passou só pelo abrir buraco, plantar pinheiro, e fechar buraco”, rematou.

Deixa ainda a garantiu que estas plantações passam a ser realizadas todos os anos, em freguesias diferentes, algo que já vem a acontecer com o Arcos TT, que decorre de ano para ano em diferentes freguesias.

Edição de 2020 marcada pelo início da pandemia

A edição de 2020 do Arcos TT realizou-se a 07 de março, pouco antes de a pandemia de covid-19 ‘alastrar’ em Portugal.

Na altura, várias vozes se levantaram contra a organização do evento, que já havia decorrido.

No entanto, e como recordou hoje o presidente da Câmara de Arcos de Valdevez, também presente na plantação, não houve qualquer caso da doença associada à concentração.

Populares