Seguir o O MINHO

Guimarães

Organização católica internacional presente em Guimarães investigada pelo Vaticano

“Os Arautos do Evangelho”

em

Foto: DR

O Vaticano está a fazer uma investigação à organização “Os Arautos do Evangelho”, que tem sede em São Paulo, no Brasil, está presente em Lisboa e Guimarães, onde tem um colégio, na freguesia de Santiago de Candoso.

Trata-se de um grupo em que predomina uma disciplina de tipo militar e hábitos próprios do catolicismo conservador.

O movimento, presente em vários países, entrou no radar da Santa Sé, depois de várias denúncias de abusos sexuais, castigos e exorcismos, no Brasil, onde tem a sua sede.

A TVI, que avança a notícia, confirmou junto do Vaticano a criação de uma comissão que, pelo menos desde 2019, está a investigar “Os Arautos do Evangelho”, incluindo um ramo desta organização católica que opera no nosso país.

No Brasil, o Ministério Público de São Paulo está a investigar denúncias de pessoas que faziam parte dos Arautos do Evangelho e viveram em instituições geridas pela organização.

Em causa, cerca de 40 queixas por humilhação, assédio e até tortura dentro da sede, um colégio que é um verdadeiro castelo no meio de uma serra em São Paulo.

Estes acontecimentos vêm a público numa altura em que o papa Francisco proibiu a celebração de missas em latim e as celebrações de costas para os fiéis, rituais próprios de grupos conservadores.

Populares