Redes Sociais

Hóquei em Patins

Óquei de Barcelos, Juventude de Viana, HC Braga e Riba d’Ave conhecem calendário

 a

Foto: DR

O sorteio do calendário do campeonato nacional de hóquei em patins, esta terça-feira realizado em Lisboa, ditou para a primeira jornada um ‘clássico’, com o Benfica, vice-campeão nacional, a visitar o campeão Sporting, em 20 de outubro.

No Minho, o Óquei de Barcelos recebe o recém-promovido Riba d’Ave, enquanto o HC Braga defronta o Turquel e a Juventude de Viana visita o ringue da Oliveirense.

O detentor da Taça de Portugal, o FC Porto, inicia o seu campeonato a receber outro histórico da modalidade, a AD Oeiras.

A principal divisão do hóquei em patins português conta com a participação de 14 equipas, que competem numa fase única, a duas voltas.

Primeira jornada do campeonato:

Óquei Barcelos – Riba d’Ave

Marinhense – Valongo

HC Braga – Turquel

FC Porto – AD Oeiras

Oliveirense – Juventude de Viana

Sporting Tomar – Paço d’Arcos

Sporting – Benfica.

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem O MINHO, jornal estritamente digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O MINHO é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Inspirados na filosofia seguida pelo jornal inglês "The Guardian", um dos mais importantes órgãos de comunicação do Mundo, também nós achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler O MINHO, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar O Minho - e só demora um minuto. Obrigado.

Hóquei em Patins

Óquei de Barcelos e Juventude de Viana entram com ‘o patim direito’ na Taça da Europa

Antiga Taça CERS.

Publicado

 a

Juventude de Viana na Áustria. Foto: Facebook de Juventude de Viana

Óquei de Barcelos e Juventude de Viana, do Minho, e Sporting de Tomar, do distrito de Santarém, entraram hoje a vencer nos 16 avos de final da Taça da Europa de hóquei em patins, antiga Taça CERS, enquanto o Turquel, de Alcobaça, distrito de Leiria, empatou na Alemanha.

O Óquei de Barcelos, finalista vencido da última edição e vencedor em 2015/16, 2016/17 e 1994/95 da Taça CERS, derrotou em casa pela margem mínima os franceses do Nantes, por 5-4, e deixa tudo em aberto para a segunda mão, em 17 de novembro.

A Juventude de Viana foi ganhar a casa dos austríacos do Dornbirn, por 5-2, enquanto o Sporting de Tomar, condição de anfitrião, venceu os espanhóis do CH Caldes, por 4-2.

VER: Jogo completo da Juventude de Viana na página de Facebook do RHC Dornbirn

Também a jogar fora de casa, o Turquel foi empatar 4-4 ao recinto dos alemães do Walsum, deixando boas hipóteses para garantir a continuidade na prova no jogo da segunda mão.

Vila Praia de Âncora recebeu primeiro jogo do FC Porto na Liga Europeia

Quem já está praticamente com os ‘dois patins’ na próxima ronda da Taça da Europa é a formação italiana do Valdagno, que goleou em casa os alemães do Dusseldorf-Nord, por 11-2.

Os também italianos do Sarzana derrotam os franceses do Noisy Le Grand, por 8-2, colocando praticamente um ponto final na eliminatória, tal como os espanhóis do Igualada que venceram por 7-1 os suíços do Uri.

Os espanhóis do Girona venceram em casa do Darmstadt, por 6-1, construindo uma vantagem tranquila para a segunda mão, enquanto que nos restantes encontros o equilíbrio foi uma constante.

Os austríacos do Wolfurt venceram por um golo os suíços do Uttingen (5-4), os helvéticos do Biasca foram ganhar por um a casa dos alemães do Iserlohn (5-4) e os franceses do Coutras venceram os germânicos do Remscheid também pela margem mínima (4-3).

Além do empate entre o Walsum e o Turquel (4-4), também os franceses do La Vendeenne e os suíços do Diessbach igualaram o marcador a 6-6 e deixam tudo em aberto para a segunda mão.

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem O MINHO, jornal estritamente digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O MINHO é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Inspirados na filosofia seguida pelo jornal inglês "The Guardian", um dos mais importantes órgãos de comunicação do Mundo, também nós achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler O MINHO, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar O Minho - e só demora um minuto. Obrigado.

Continuar a ler

Hóquei em Patins

Vila Praia de Âncora recebeu primeiro jogo do FC Porto na Liga Europeia

Os portugueses ganharam 6-2.

Publicado

 a

O FC Porto, finalista vencido da Liga Europeia de hóquei em patins, estreou-se hoje na principal competição de clubes da modalidade com um triunfo frente aos franceses do Saint-Omer, por 6-2, em Vila Praia de Âncora.

Vídeo: Twitter de FC Porto

Os ‘dragões’ jogaram no Minho devido a castigo imposto pelo organismo que rege o hóquei em patins europeu e começaram a vencer, graças a um golo de Gonçalo Alves, aos sete minutos.

Os franceses chegaram ao empate, aos 18, na cobrança de um livre direto de Mathieu le Roux, mas Gonçalo Alves levou os ‘azuis e brancos’ a vencer para o intervalo.

No segundo tempo, o poderio dos portistas ganhou expressão no marcador, com tentos de Reinaldo Garcia e Giulio Cocco.

Tom Mfuekani ainda reduziu para os franceses, mas Rafa, aos 43, e Reinaldo Garcia, aos 48, fixaram o resultado final a favor do FC Porto, que já venceu a competição em duas ocasiões, em 1985/86 e em 1989/90.

O jogo foi transmitido em direto no Porto Canal (estando disponível durante 7 dias nas gravações automáticas disponíveis em alguns operadores da televisão por cabo).

Ficha de Jogo

Jogo no Pavilhão Desportivo Municipal de Vila Praia d’Ancora, em Caminha.

FC Porto – Saint-Omer, 6-2.

Ao intervalo: 2-1.

Marcadores:

1-0, Gonçalo Alves, 07 minutos.

1-1, Mathieu le Roux, 18.

2-1, Gonçalo Alves, 20.

3-1, Reinaldo Garcia, 26.

4-1, Giulio Cocco, 36.

4-2, Tom Mfuekani, 38.

5-2, Rafa, 43.

6-2, Reinaldo Garcia, 48.

Sob arbitragem da dupla espanhola Ruben Fernandez e Daniel Villar, as equipas alinharam:

– FC Porto: Nelson Filipe, Gonçalo Alves, Helder Nunes, Reinaldo Garcia e Rafa. Jogaram ainda: Telmo Pinto, Giulio Cocco, Daniel Oliveira e Hugo Santos.

Treinador: Guillem Cabestany.

– Saint-Omer: Pedro Chambel, Fabien Barengo, Mathieu le Roux, Marcal Cuenca e Jacobo Mantinan. Jogaram ainda: Anthony da Costa, Tom Mfuekani e Givency Tshilombo.

Treinador: Fabien Savreux.

Assistência: cerca de 300 espetadores.

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem O MINHO, jornal estritamente digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O MINHO é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Inspirados na filosofia seguida pelo jornal inglês "The Guardian", um dos mais importantes órgãos de comunicação do Mundo, também nós achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler O MINHO, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar O Minho - e só demora um minuto. Obrigado.

Continuar a ler

Hóquei em Patins

Barcelona mais feliz na ‘lotaria’ dos penáltis vence FC Porto em Barcelos

Partida muito intensa e equilibrada.

Publicado

 a

Foto: Divulgação/FC Barcelona

O Barcelona venceu hoje a Taça Continental de hóquei em patins ao bater o FC Porto, mas apenas após o desempate por grandes penalidades (3-2), numa partida muito intensa e equilibrada que podia ter ‘caído’ para qualquer lado.

No final do tempo regulamentar e do prolongamento registava-se um empate 3-3 e nos penáltis, depois de outra igualdade na primeira série de cinco (2-2), os catalães foram mais felizes, eles que até começaram por desperdiçar os dois primeiros, cabendo a ‘fava’ do último remate falhado pelos portistas a Gonçalo Alves.

O Barcelona, que venceu a 18.ª Taça Continental, voltou a ser o ‘carrasco’ do FC Porto depois de, em maio, na final da Liga Europeia, também ter vencido, então por 4-2.

O sucessor da Oliveirense na 38.ª edição da prova chegou a uma vantagem de dois golos, apesar da melhor entrada na partida do FC Porto, muito mais pressionante e obrigando Aitor Egurrola, uma das figuras do jogo, a defesas atentas.

Mas num contra-ataque, o ex-benfiquista João Rodrigues serviu Ignacio Alabart, que rematou de pronto e inaugurou o marcador (18 minutos).

Pouco depois, e no espaço de menos de um minuto, o FC Porto desperdiçou dois livres diretos e a experiência e eficácia do Barcelona veio ao de cima quase de imediato quando, mesmo com a sua equipa em inferioridade numérica, Pablo Alvarez fez o segundo (21).

A resposta do FC Porto não demorou, com um bom golo de Reinaldo Garcia (22), colocando mais justiça no marcador que podia ter ido para o intervalo com um empate se Telmo Pinto não tivesse soberana ocasião no minuto 25.

No segundo tempo, a velocidade do jogo aumentou, com o FC Porto à procura do empate, que só chegou aos 44 minutos.

Marc Gual, contudo, a voltou a colocar o Barcelona em vantagem após bela iniciativa individual (45), mas o jogo estava ‘eletrizante’ e Hélder Nunes igualou a partida poucos segundos depois, levando o jogo para prolongamento, período em que Gonçalo Alves podia ter feito o quarto num livre direto, mas Aitor Egurrola foi, mais uma vez, insuperável.

No desempate das grandes penalidades, o Barcelona foi mais feliz e somou mais um troféu à sua vasta coleção europeia.

Continuar a ler

Populares