Seguir o O MINHO

Futebol

“O Braga é uma excelente equipa que disputa qualquer jogo em Portugal ou na Europa”

I Liga

em

Foto: SL Benfica

A defesa do Benfica ainda não está “aprumada” com as ideias do treinador, o que se explica com um “ano atípico” na linha recuada da equipa de futebol dos ‘encarnados’, assumiu hoje Jorge Jesus.

Numa análise ao setor recuado da sua equipa, que sofreu seis golos nos últimos dois encontros, com Boavista e Rangers, o técnico das ‘águias’ negou que os números provem que a equipa é “má a defender”, mas admitiu, em conferência de imprensa, no Seixal, que “não é aquilo que pensava que poderia ser”.

“As minhas equipas sofrem sempre poucos golos, mas este ano tem sido atípico, porque aquela linha de quatro, praticamente, esteve sempre a mudar. Lesionou-se o André [Almeida], saiu o Ruben [Dias], entrou um jogador hoje e depois outro central amanhã, porque o Gri[maldo] vem de uma lesão. E como também não tens tempo para treinar, só para recuperar, ela não está aprumada ainda com as minhas ideias”, reconheceu.

Por isso, Jesus reforçou que o trabalho defensivo da equipa tem sido feito, essencialmente, no plano teórico, mas rejeitou que o lado esquerdo seja o mais frágil, antes atribuindo a responsabilidade dos golos encaixados ao coletivo.

“Não é um Benfica mais frágil a defender pela esquerda do que pela direita. Foram situações de pormenor, não tem a ver com o setor, mas com a movimentação coletiva da equipa. É isso que tentámos passar, não o trabalhando na prática, mas teoricamente, falando com eles”, frisou o treinador.

Por outro lado, na véspera do sétimo jogo de uma série de partidas ao fim de semana e à quinta-feira, o técnico desvalorizou o cansaço acumulado, lembrando que “esse é um problema que só as boas equipas têm” e não teve dúvidas, mais uma vez, em incluir o adversário de domingo nesse lote.

Para avisar que “vai ser um jogo difícil”, Jesus lembrou que o Braga é “uma excelente equipa”, considerou que este é “um dos anos em que está mais perto dos três grandes” e desvalorizou a derrota (4-0) dos ‘arsenalistas’ na quinta-feira, frente ao Leicester, numa partida da Liga Europa em que fizeram descansar “quatro ou cinco jogadores para estarem ao melhor nível do Benfica”.

“O jogo que o Braga teve não vai ter consequências negativas. Aliás, os seus jogadores disseram logo que o mais importante era o Benfica e não esse jogo. Vamos jogar com um adversário forte, que está junto a nós na classificação, é uma das boas equipas, que disputa qualquer jogo, não só em Portugal como na Europa. O jogo vai ser de alta intensidade e de risco para as duas equipas”, preconizou Jorge Jesus.

O Benfica recebe o Braga no domingo, às 20:00, num encontro disputado à porta fechada, no Estádio da Luz, que encerra a sétima jornada da I Liga portuguesa de futebol.

Uma vitória dos ‘encarnados’ aumenta para seis pontos a vantagem sobre o Sporting de Braga, mas um eventual desaire permitirá à equipa de Carlos Carvalhal igualar o Benfica no segundo lugar da tabela classificativa.

Futebol

Gil Vicente e Braga jogam ‘quartos’ da Taça a 29 de janeiro

Taça de Portugal

Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO (Arquivo)

Os jogos Gil Vicente-FC Porto e SC Braga-Santa Clara, dos quartos de final da Taça de Portugal de futebol, vão disputar-se em 29 de janeiro, um dia depois do Benfica-Belenenses SAD, de acordo com o calendário divulgado.

As datas e os horários dos encontros dos ‘quartos’ estão disponíveis no site oficial da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), sendo que os ‘dragões’, detentores do troféu, jogam em Barcelos numa sexta-feira, a partir das 20:45.

Uma hora antes, às 19:45, inicia-se o duelo entre SC Braga e Santa Clara, na ‘Cidade dos Arcebispos’.

Já o Benfica-Belenenses SAD está agendado para a véspera, quinta-feira, dia 28, com início marcado para as 21:15, no Estádio da Luz, em Lisboa.

Os quartos de final da prova ‘rainha’ arrancam em 27 de janeiro, uma quarta-feira, com a receção do Marítimo ao Estoril-Praia, da II Liga, às 20:15.

Nas meias-finais, disputadas a duas mãos, o vencedor do encontro entre Benfica e Belenenses SAD vai defrontar Marítimo ou Estoril-Praia, e o vencedor do Gil Vicente-FC Porto terá pela frente SC Braga ou Santa Clara.

De acordo com o calendário divulgado pela FPF, os encontros da primeira mão das meias-finais jogam-se em 10 de fevereiro, e os da segunda em 03 de março.

Continuar a ler

Futebol

Diogo Figueiras reforça Famalicão

Mercado de Transferências

Foto: FC Famalicão

Diogo Figueiras é reforço do Famalicão com um contrato válido até 2022, anunciou hoje o clube da I Liga portuguesa de futebol.

O defesa, de 29 anos, rescindiu com o SC Braga e é agora uma opção para João Pedro Sousa.

Para além da formação bracarense, Diogo Figueiras representou ainda clubes como o Paços Ferreira, Moreirense, e Rio Ave. Jogou também no Sevilha, onde viria a conquistar a Liga Europa por três ocasiões.

O lateral jogou ainda na Serie A italiana pelo Génova e na Liga grega pelo Olympiacos, tendo neste último celebrado o título nacional.

“Voltar a ser feliz e sentir o prazer de jogar futebol dá-nos vida e, como tal, decidi aceitar o convite do Futebol Clube de Famalicão para recuperar essa alegria”, afirmou o defesa, que se mostrou “satisfeito” pela forma como foi recebido pelo plantel e equipa técnica do clube.

Continuar a ler

Futebol

Paulo Sousa é o novo selecionador de futebol da Polónia

Futebol

Foto: DR / Arquivo

O treinador português Paulo Sousa é o novo selecionador da Polónia, substituindo Jerzy Brzeczek, cuja saída do comando técnico foi tornada pública na segunda-feira, anunciou hoje a Federação Polaca de Futebol (PZPN).

“Estou muito feliz e orgulhoso por me tornar selecionador de futebol da Polónia. A Polónia é um país de futebol. […] Juntos seremos capazes de lutar pelo próximo campeonato da Europa”, disse Paulo Sousa, em declaração reproduzida durante uma videoconferência de imprensa do presidente da PZPN, Zbigniew Boniek.

https://twitter.com/LaczyNasPilka/status/1352288596280057856

Paulo Sousa vai orientar a seleção polaca no Euro2020, adiado para 2021 devido à pandemia de covid-19, no qual a Polónia – que conta com o avançado Robert Lewandowski, designado pela FIFA melhor jogador mundial em 2020 – ficou integrada no grupo E, em conjunto com Espanha, Suécia e Eslováquia.

O técnico, de 50 anos, que iniciou a carreira nos escalões de formação da seleção portuguesa, vai comandar pela primeira vez uma seleção principal, depois de já ter treinado vários clubes mundiais, o último dos quais o Bordéus, de França, entre março de 2019 e agosto de 2020.

Continuar a ler

Populares