Seguir o O MINHO

Alto Minho

Novo recorde: 90 mil peregrinos de todo o mundo passaram em Valença em 2019

O dobro de há cinco anos

em

Foto: Divulgação

Cerca de 90 mil peregrinos cruzaram a ponte do rio Minho que divide as fronteiras de Valença e Tuí (Galiza), reforçando aquela “eurocidade” como uma das grandes rotas dos Caminhos de Santiago.


Em 2019 foram 88.310 os peregrinos que passaram ou começaram a sua peregrinação em Tui-Valença, anunciou autarquia do lado de cá do rio Minho, apontando um crescimento gradual, ao longo dos anos.

“O número de peregrinos pela Eurocidade tem crescido sempre e se, no ano passado, foram 88.310 os que chegaram a Santiago e pediram a Bula Compostelana, em 2014 eram 35.494 mil oriundos de todos os cantos do mundo”, deu nota a autarquia, destacando o crescimento para o dobro.

“A história e simbologia jacobeia que Valença e Tui aportam às peregrinações para Santiago muito têm contribuído para alcançar estes números”, refere a autarquia do Alto Minho.

Ano Jacobeu

2021 é Ano Jacobeu, onde é esperado um número maior de peregrinos nas rotas de Compostela. De acordo com a Câmara de Valença, estão a ser preparadas ações culturais e promocionais de impacto para “os próximos tempos”.

Em 2019, foram 72.361 os peregrinos a percorrer o Caminho Português do Interior, cerca de 5 mil mais do que em 2018. O Caminho Português do Interior é o segundo percurso que mais peregrinos leva a Santiago de Compostela depois do Caminho Francês.

Já o Caminho Português da Costa atrai cada vez mais peregrinos até Valença. Em 2019 foram 15.949, face aos 13.836  de 2018 e os parcos 779 de 2014.

Embaixadores de Valença

Estes grandes fluxos de peregrinos, diz a autarquia, tem permitido capacitar alojamentos cada vez mais qualificados, uma restauração mais versátil e diversificada e a readaptação de parte do comércio para o nicho de peregrinos, com uma ampla oferta de souvenirs e produtos locais.

“Apostas que apresentam um grande potencial de crescimento e oportunidade para quem quer investir no turismo religioso”, realça a Câmara de Valença.

A autarquia crê que os peregrinos têm sido “verdadeiros embaixadores de Valença por esse mundo fora, mostrando os pontos mais instagramáveis do concelho, as suas singularidades culturais, naturais, patrimoniais e gastronómicas”.

Anúncio

Alto Minho

Melgaço recebe programa “Aqui Portugal” da RTP neste domingo

E ninguém reclamou

em

Foto: Divulgação / CM Melgaço

O programa televisivo Aqui Portugal, da RTP, vai ser transmitido a partir de Melgaço depois das 14:15 horas, anunciou aquele município, o mais a Norte de Portugal.

Já está montado o palco improvisado para receber os telespectadores numa emissão que parece não causar polémica à priori, ao contrário do que acontece em Vila Verde, relativamente a um programa semelhante, mas da TVI.

Ao contrário de Vila Verde, onde não há palco e um camião irá transportar artistas pelas ruas do concelho, em Melgaço o ponto é fixo e recebe os apresentadores habituais do programa dos domingos à tarde da estação pública.

Continuar a ler

Viana do Castelo

Seis feridos após colisão entre três viaturas em Viana do Castelo

Acidente

em

Foto: Redes sociais

Um aparatoso acidente em Viana do Castelo provocou seis vítimas, ao início da manhã deste domingo, disse a O MINHO fonte do Comando Distrital de Operações e Socorro.

A colisão, a envolver três viaturas, ocorreu na freguesia de Santa Marta de Portuzelo, na Rua de Santa Martinha, com alerta a ser dado às 09:08 horas, disse fonte da Proteção Civil.

Uma das vítimas, que teve de ser desencarcerada, inspirava maiores cuidados.

Todos os feridos foram transportados para o Hospital de Viana do Castelo.

No local estiveram 25 elementos e dez viaturas, por entre as duas corporações de bombeiros de Viana do Castelo (Sapadores e Voluntários) com ambulâncias e viaturas de desencarceramento, a Ambulância de Emergência Médica do INEM e a VMER do Alto Minho.

A GNR registou a ocorrência.

Continuar a ler

Viana do Castelo

Presidente da Câmara de Viana condecorado pelas Forças Armadas

José Maria Costa

em

Foto: DR

José Maria Costa, presidente da Câmara de Viana do Castelo, foi condecorado pelas Forças Armadas com a Medalha da Cruz de São Jorge, pela política adotada em relação ao mar.

A condecoração foi efetuada pelo almirante António Silva Ribeiro, atual Chefe do Estado Maior General das Forças Armadas, sob a égide do desenvolvimento económico do concelho associado ao mar, assim como pelas atividades marítimas e pela política de preservação e divulgação da memória marítima.

Criada no ano de 2000, esta medalha pretende galardoar militares e civis, nacionais ou estrangeiros, que revelem “elevada competência, extraordinário desempenho e relevantes qualidades pessoais” para prestigiar o cumprimento da missão do Estado Maior General das Forças Armadas.

Continuar a ler

Populares