Seguir o O MINHO

Canoagem

Mundial de Canoagem arrancou em Prado

em

Foto: Joaquim Gomes / O MINHO

O Campeonato do Mundo de Maratona em Canoagem / Vila de Prado 2018 arrancou ao final da tarde desta quarta-feira, naquela localidade fluvial, em Vila Verde, com 38 delegações estrangeiras oriundas de quatro continentes naquela que é a primeira competição mundial em Portugal.

Até ao próximo domingo competirão na Praia Fluvial do Faial e toda a zona envolvente, na Vila de Prado, em Vila Verde, mais de mil atletas, em representação de 38 países, com os melhores praticantes mundiais, que é considerada “uma oportunidade para os amantes da modalidade poderem assistir a um espetáculo desportivo de elevada qualidade”, referiu a MINHO o vereador do Desporto da Câmara Municipal de Vila Verde, Patrício Araújo.

Foto: Joaquim Gomes/O MINHO

Foto: Joaquim Gomes/O MINHO

Foto: Joaquim Gomes/O MINHO

Foto: Joaquim Gomes/O MINHO

Foto: Joaquim Gomes/O MINHO

Foto: Joaquim Gomes/O MINHO

Ao fim da tarde desta quarta-feira decorreu a cerimónia oficial de abertura e segundo o aquele responsável, “é um prazer recebermos toda esta gente, de quase quatro dezenas de países, marcando de forma uma indelével o desporto em Vila Verde e em toda a região”.

“É uma marca importante no desporto nacional, na medida em que Portugal realiza pela primeira vez um campeonato mundial de canoagem, já na senda do Europeu de 2013 e da Taça de Mundo de 2016, sendo seu corolário”, acrescentou Patrício Araújo a O MINHO.

Anúncio

Canoagem

Fernando Pimenta conquista dois títulos nacionais de canoagem

Atletas do Minho foram destaques

em

Foto: DR / Arquivo

O canoísta Fernando Pimenta, de Ponte de Lima, sagrou-se hoje campeão português de K1 e K2 1000 metros, durante os nacionais de velocidade, que decorreram no Centro de Alto Rendimento de Montemor-o-Velho. Hélder Silva, de Vila Verde, venceu em C1 1000 metros.

Na prova de K1 seniores 1000 metros, Fernando Pimenta, atleta do Benfica, terminou à frente de Emanuel Silva (Sporting) e Ruben Boas (Grupo Cultural Desportivo e Recreativo de Gemeses), segundo e terceiro, respetivamente.

Na embarcação dupla (K2), também na distância de 1000 metros, Fernando Pimenta e João Ribeiro foram os mais rápidos, impondo-se a Artur Pereira e David Varela (Sporting) e a João Cunha Pereira e Bruno Moreira (Clube Náutico de Ponte de Lima), que concluíram nas segunda e terceira posições, respetivamente.

Fernando Pimenta, campeão do Mundo em K1 1000 metros e 5000 metros, também se sagrou vice-campeão nacional de K1 500 metros, ao terminar atrás do campeão João Ribeiro, num pódio só com canoístas do Benfica, com Messias Baptista, que triunfou na prova de K1 200 metros, a obter o terceiro melhor registo.

A competição de K1 200 metros feminina foi ganha por Francisca Laia (Sporting), com as benfiquistas Teresa Portela e Joana Vasconcelos, ambas do Benfica, a terminarem, nas segunda e terceira posições, respetivamente.

Joana Vasconcelos sagrou-se campeã nacional de K1 500 metros, prova na qual Francisca Laia garantiu o segundo lugar e Francisca Carvalho (Federação Portuguesa de Canoagem) terminou no terceiro posto.

A dupla do Benfica, Joana Vasconcelos e Teresa Portela, conquistou o título na prova de K2 500 metros.

Emanuel Silva, Artur Pereira, David Varela e Kevin Santos alcançaram o título de K4 500 metros para o Sporting, enquanto o Clube Náutico de Ponte de Lima, através de Joana Marinho de Sousa, Mariana Barros, Rita Fernandes e Inês Santos Costa, se sagrou campeão nacional de K4 500 metros, em femininos.

Nas canoas, Ana Aidos Rodrigues (Instituto para o Desenvolvimento e Estudos de Cacia) conquistou dois títulos, nas provas de C1 Femininos 200 metros e 500 metros.

Hélder Silva (Federação Portuguesa de Canoagem) foi o primeiro classificado em C1 1000 metros.

O Clube Náutico de Prado colecionou mais dois títulos de Portugal, com os êxitos alcançados por Márcia Faria e Ana Afonso (C2 500 metros) e por Silvestre Pereira, André Giesteira, Nuno Vieira da Silva e Henrique Lopes (C4 1000 metros).

José Lima de Sousa e Rui Soares (Liga Dura – Cultura, Espectáculo e Conhecimento) venceram em C2 1000 metros.

Continuar a ler

Canoagem

Fernando Pimenta ganha medalha de prata e faz história nos II Jogos Europeus

Em Minsk

em

Foto: DR/Arquivo

O canoísta Fernando Pimenta conquistou hoje a medalha de prata em K1 5000 dos II Jogos Europeus, com o húngaro Balint Kopasz a roubar-lhe o ouro em cima da meta em Minsk, como já o tinha feito nos 1000 metros.

Sob condições climatéricas adversas com vento que potencia ondas e dificulta o contornar das boias, onde geralmente há muito contacto entre barcos, o limiano concluiu o percurso em 21.46,554, sendo ultrapassado nos derradeiros metros do longo sprint, ficando a 1,299 segundos do ouro.

A 4,021 segundos, o alemão Max Hoff completou o pódio.

Em Baku2015, Pimenta tinha sido prata em K1 1000 e 5000, pelo que é o único atleta luso com quatro pódios em Jogos Europeus, seguido, com três, da judoca Telma Monteiro e das ginastas Bárbara Sequeira, Francisca Maia e Francisca Sampaio Maia.

Minutos antes, a jovem Sara Sotero foi 16.ª em K1 5000, com o tempo de 26.46,322.

Portugal conquistou, até ao momento, duas medalhas de ouro, por Fu Yu, em ténis de mesa, e Carlos Nascimento, nos 100 metros, seis de prata, pela equipa de judo, o ciclista Nelson Oliveira no contrarrelógio, as ginastas acrobatas Bárbara Sequeira, Francisca Maia e Francisca Sampaio Maia, nas provas de combinado e de exercício dinâmico, e Fernando Pimenta, em K1 1.000 e K1 5.000.

Na prova de equilíbrio, as três ginastas ainda conseguiram uma medalha de bronze, também alcançada pela judoca Telma Monteiro (-57 kg), a estafeta mista dos 4×400 metros e Diogo Ganchinho, nos trampolins.

Com este desempenho, Portugal já superou os 10 pódios de Baku2015.

Continuar a ler

Canoagem

Jogos Europeus: Hélder Silva fora do pódio em C1 200

Atleta de Prado

em

Foto: DR/Arquivo

O canoísta Hélder Silva, da Vila de Prado, concelho de Vila Verde, ficou na oitava posição na final de C1 200 metros esta quinta-feira nos Jogos Europeus, que decorrem em Minsk.

Artsem Kozyr, da Bielorrússia, venceu a prova, com o italiano Nicolae Craciun na segunda posição e o espanhol Alfonso Benavides a fechar o pódio.

Continuar a ler

EM FOCO

Anúncio

ÚLTIMAS

Vamos Ajudar?

Reportagens da Semana

Populares