Seguir o O MINHO

Cávado

Mulher hospitalizada após picada de peixe-aranha na praia de Ofir

Em Esposende

em

Foto: Ilustrativa / DR

Uma mulher, cuja idade não foi possível apurar, foi hospitalizada na sequência da picada de um peixe-aranha, a meio da manhã deste domingo, na praia de Ofir, concelho de Esposende, disse a O MINHO fonte dos bombeiros.

A vítima estava na água quando terá sido picada pelo peixe, sentindo grande desconforto e dores num dos membros inferiores.

Para o local foram ativados cinco operacionais, uma ambulância, o veículo de comando e uma moto-4 dos Bombeiros de Fão.

A vítima foi estabilizada no areal e transportada em plano duro na moto-4 até à ambulância.

Foi transportada para uma unidade particular de saúde em Fão por opção própria.

O alerta foi dado às 09:49 horas.

Fonte dos bombeiros disse a O MINHO que, embora não seja muito usual, durante o verão é um incidente que acontece algumas vezes, sobretudo quando “há muita gente na praia”.

Este peixe venenoso, comum na costa portuguesa, esconde-se na areia, erguendo a primeira barbatana dorsal quando é pisado ou se sente ameaçado.

Barbatana dorsal do peixe-aranha. Foto: DR

Espetando os espinhos da barbatana, que por vezes se partem dentro dos pés dos banhistas, provocam dores graves e por vezes vómitos, tonturas e dificuldade respiratória, pelo que é aconselhada a procura de ajuda médica.

Geralmente a picada é tratada com calor intenso na zona afetada para anular o veneno.

Populares