Seguir o O MINHO

Desporto

Moreirense perde na Luz apesar de ter marcado dois golos

em

O Moreirense perdeu em casa do Benfica, bicampeão em título, por 3-2, depois de ter estado a ganhar, em encontro da terceira jornada da Liga NOS.

O brasileiro Rafael Martins, aos 29 minutos, e o paraguaio Ramon Cardozo, aos 84, marcaram os golos da equipa de Moreira de Cónegos, que somou o terceiro desaire.

O suplente mexicano Raúl Jiménez, aos 75 minutos, o grego Andreas Samaris, aos 76, e o brasileiro Jonas, aos 86, apontaram os tentos dos ‘encarnados’, que haviam batido o Estoril a abrir e perdido com o Arouca na segunda ronda.

 

Anúncio

Futebol

Gil Vicente espera encontrar FC Porto de “orgulho ferido”

18.ª jornada da I Liga

em

O treinador adjunto do Gil Vicente disse hoje esperar um FC Porto de “orgulho ferido” no jogo de terça-feira, da 18.ª jornada da I Liga de futebol, garantindo que a sua equipa será “cautelosa” com esse estado do adversário.

Mário Nunes, que foi hoje o porta-voz da formação minhota devido à suspensão do treinador principal Vítor Oliveira, espera que o Gil Vicente possa tirar partido do “desgaste físico e anímico” dos ‘dragões’, após a derrota na final da Taça da Liga, no sábado, frente ao Sporting de Braga.

“Espero um FC Porto de orgulho ferido, que vai querer reverter a atual situação o mais rápido possível, e procurar resolver o jogo o quanto antes. Sabendo que não estão no melhor momento em termos anímicos e físicos, continuam a ter jogadores de grande qualidade e uma equipa extremamente forte”, analisou Mário Nunes.

Para aproveitar a eventual intranquilidade dos ‘azuis e brancos’, o técnico adjunto do conjunto barcelense quer que a sua equipa “tente impor um jogo intenso”, mas, “ao mesmo tempo”, mantenha “uma boa organização defensiva”.

“Temos de estar muito cautelosos. Podemos pensar nessa debilidade do adversário, e depois não acontecer. Podem esperar um Gil Vicente organizado, a procurar controlar os momentos do jogo e a não ser apanhado em desequilíbrios, e sempre que tiver a bola a tentar atingir a baliza adversária e marcar. Queremos trazer os três pontos para Barcelos”, vincou Mário Nunes.

A suspensão de sete dias imposta pelo Conselho de Disciplina da FPF ao técnico principal do Gil Vicente, Vítor Oliveira, na sequência das críticas à arbitragem da partida com o Famalicão, de 31 de outubro, termina terça-feira, a tempo do experiente treinador poder orientar os barcelenses no Estádio do Dragão.

Para este desafio, os minhotos, que não perdem há cinco jogos consecutivos, e que no duelo da primeira volta venceram, em casa, o FC Porto, por 2-1, não podem contar com os contributos de Rúben Ribeiro, Ygor Nogueira, Claude Gonçalves e Bogdan, todos lesionados.

O Gil Vicente nono classificado da I Liga, com 22 pontos, defronta terça-feira o FC Porto, segundo com 41, numa partida agendada para as 20:15, no estádio do Dragão, que terá arbitragem da Rui Oliveira, da Associação de Futebol do Porto.

Continuar a ler

Futebol

Claude Gonçalves ausente e Alex Pinto de regresso aos convocados do Gil Vicente FC

18.ª jornada da I Liga

em

Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO (Arquivo)

O defesa Alex Pinto regressou, esta segunda-feira, aos convocados do Gil Vicente FC para a deslocação ao terreno do FC Porto, na terça-feira, da 18.ª jornada da I Liga de futebol, ao contrário do lesionado Claude Gonçalves.

Titular em três das quatro rondas iniciais, o lateral cedido pelo Benfica perdeu espaço nas opções do treinador Vítor Oliveira, mas voltou a ser chamado para um desafio do campeonato quase três meses depois.

Em sentido inverso, o médio luso-francês Claude Gonçalves juntou-se ao defesa brasileiro Ygor Nogueira, ao médio sérvio Bogdan Mladenovic e ao avançado Rúben Ribeiro no lote de jogadores entregues aos cuidados do departamento clínico dos minhotos.

O Gil Vicente, nono colocado, com os mesmos 22 pontos do Boavista, visita o FC Porto, na segunda posição, com 41, a dez do líder Benfica, na terça-feira, às 20:15, num encontro da 18.ª jornada da I Liga, que terá arbitragem de Rui Oliveira, do Porto.

Lista dos 18 convocados

– Guarda-redes: Wellington Luís e Denis.

– Defesas: Alex Pinto, Rodrigo, Arthur Henrique, Fernando Fonseca, Edwin Banguera, Rúben Fernandes e Henrique Gomes.

– Médios: Soares, João Afonso, Bozhidar Kraev e Ahmed Isaiah.

– Avançados: Lourency, Zakaria Naidji, Romário Baldé, Yves Baraye e Sandro Lima.

Continuar a ler

Futebol

Médio Estrela sofreu contusão óssea grave e desfalca Aves por tempo indeterminado

Frente ao Boavista

em

O médio Estrela, do Desportivo das Aves, sofreu uma contusão óssea grave na perna direita e ficará afastado dos relvados por tempo indefinido, confirmou hoje à agência Lusa o clube lanterna-vermelha da I Liga de futebol.

Sem necessidade de ser operado, o médio luso-angolano deve realizar exames complementares nos próximos dias para conhecer o período de recuperação de uma lesão sofrida no domingo, aos 57 minutos da derrota caseira com o Boavista (1-0).

Estrela, de 24 anos, dividiu um lance no meio-campo com o ganês Yaw Ackah, manifestando queixas na zona da tíbia e do perónio, que o obrigaram a abandonar o terreno de jogo e ser substituído pelo avançado chadiano Marius Mouandilmadji.

Depois de alguns minutos a receber assistência médica, o centrocampista foi transportado de emergência para um hospital em Riba d’Ave, freguesia do concelho de Vila Nova de Famalicão, tendo os avenses conhecido hoje os detalhes do relatório clínico.

Formado no Benfica, Valdomiro Tualungo Paulo Lameira, mais conhecido por Estrela, soma 14 aparições no ano de estreia pelo emblema de Santo Tirso, após ter representado os norte-americanos do Orlando City, os cipriotas do Apoel e o Varzim, da II Liga.

O médio defensivo juntou-se no boletim clínico avense ao defesa croata Andrej Simunec, que recupera de uma cirurgia à articulação tibiotársica esquerda, enquanto o lateral-direito Mato Milos e centrocampista Rúben Oliveira ainda realizam treino condicionado.

O desafio registava uma vantagem mínima a favor do Boavista, materializada pelo avançado brasileiro Cassiano aos 12 minutos, que permaneceu até ao apito final, ditando novo desaire para o lanterna-vermelha do campeonato.

O Desportivo das Aves ocupa a 18.ª e última posição da I Liga, com apenas nove pontos, correspondentes a três vitórias e 15 derrotas, e está a sete pontos da ‘linha de água’, detendo o estatuto de pior defesa da prova, com 34 golos encaixados.

Continuar a ler

Populares