Seguir o O MINHO

Braga

Mobilidade: Rede de bicicletas partilhadas é a mais pedida em Braga, diz estudo

Inquérito

em

Foto: DR/Arquivo

Um inquérito realizado aos cidadãos residentes da cidade de Braga sobre o estado da mobilidade, conclui que a maioria dos inquiridos vê com bons olhos a adoção de novas formas de mobilidade na cidade.

Apenas 4,7% dos inquiridos disseram que a entrada de novas formas de mobilidade em Braga é pouco importante, enquanto 52% disse que é bastante importante.

No entanto, 48% das pessoas afirma que a cidade não tem as infraestruturas necessárias para receber meios de mobilidade suaves e “amigos do ambiente”.

Ainda no mesmo estudo, os inquiridos foram questionados sobre quais os novos meios de mobilidade gostavam de ver na cidade. Numa questão de escolha múltipla, 72,4% dos inquiridos inclui a opção “rede de bicicletas partilhadas” na sua resposta.

Trotinetes elétricas, scooteres e carros partilhados também foram lembrados.

O estudo foi realizado por um aluno do Mestrado em Gestão de Marketing do IPAM Porto e decorreu entre o dia 30 de maio e 12 de junho deste ano e obteve um total de 127 respostas. Do total dos inquiridos, 51% são do sexo masculino e 49% do sexo feminino. O intervalo de idades predominante é dos 18 aos 30 anos de idade, com 66 respostas.

EM FOCO

Populares