Seguir o O MINHO

Região

Minho sob avisos do IPMA devido à agitação marítima, vento forte e chuva

IPMA

em

Sete distritos de Portugal continental, incluindo Braga e Viana do Castelo, no Minho, estão hoje sob aviso amarelo devido à previsão de agitação marítima forte, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), prevendo-se ondas de noroeste com 4 a 5 metros entre as 15:00 de hoje e as 18:00 de quarta-feira.


Estes distritos vão passar depois a aviso laranja, entre as 06:00 de quinta-feira e as 03:00 de sexta-feira, por causa da agitação marítima, prevendo-se ondas de noroeste com 5 a 7 metros e ondas máximas que podem atingir os 14 metros.

Os distritos de Viana do Castelo e Braga mas vão estar, também, sob aviso amarelo por causa do vento forte, prevendo-se rajadas fortes que podem chegar aos 100 quilómetros por hora nas terras altas entre as 21:00 de hoje e as 06:00 de quarta-feira.

Este aviso vai continuar depois na quinta e sexta-feira, estendendo-se a mais distritos (Santarém, Leiria, Lisboa).

O IPMA emitiu ainda outro aviso amarelo para os distritos de Braga e Viana do Castelo (e Porto) devido à previsão de períodos de chuva, por vezes forte, entre as 18:00 de hoje e as 03:00 de quarta-feira.

O aviso laranja, o terceiro numa escala de quatro, aplica-se a situações meteorológicas de risco moderado a elevado, enquanto o aviso amarelo traduz situações de risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica.

Anúncio

Guimarães

Câmara de Guimarães entrega habitação social partilhada

Solidariedade

em

Foto: Divulgação / CM Guimarães

A Coordenação de Âmbito Social e Financeiro das Habitações do Município de Guimarães (CASFIG) procedeu à entrega de uma habitação social partilhada, iniciativa que beneficia famílias unipessoais, refere um comunicado camarário divulgado hoje.

Em causa está uma residência partilhada, um projeto que segue o modelo de distribuição espacial permitindo a ocupação individual da habitação, de modo totalmente independente, com quarto, casa de banho e cozinha.

“Reconhecendo a importância desta modalidade alternativa ao alojamento convencional, a CASFIG tem vindo ao longo dos anos a aperfeiçoar o seu modelo de implementação e funcionamento, procurando sempre melhorar a sua funcionalidade e garantir maior privacidade individual a cada residente. Nesta linha de atuação foi criada mais uma residência partilhada, com um modelo inovador que permite conferir ainda mais privacidade aos seus residentes, bem como um melhor funcionamento das dinâmicas de convivência diária”, descreve a Câmara de Guimarães.

Até hoje foram entregues 12 residências masculinas partilhadas e seis residências femininas partilhadas, que resulta no apoio total a 45 famílias unipessoais.

Continuar a ler

Barcelos

Motociclista em estado grave após colisão em Barcelos

EN 306

em

Foto: O MINHO

Um motociclista sofreu ferimentos graves na sequência de uma colisão ao final da tarde deste sábado em Pereira, concelho de Barcelos, disse a O MINHO fonte do CDOS.

O homem, cuja idade não foi possível apurar, seguia na EN 306 quando terá colidido com outra viatura, ao que tudo indica um trator.

Para o local foi mobilizada uma ambulância dos Bombeiros de Barcelinhos que procederam à estabilização da vítima.

Foi transportada para o Hospital de Braga sendo considerado um “ferido grave”.

A GNR registou a ocorrência que cortou aquela via após as 18:55.

Continuar a ler

Região

Trovoada seca aumento risco de incêndio até domingo

Proteção Civil

em

Foto: DR / Arquivo

A Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) alertou hoje para o risco de incêndio rural associado à ocorrência de aguaceiros e trovoada seca prevista com maior probabilidade nas regiões do interior Norte e Centro e Alto Alentejo.

Num comunicado enviado à agência Lusa, a ANEPC frisa que as previsões meteorológicas para a partir desta tarde e até domingo podem fazer “aumentar as condições favoráveis à eventual ocorrência e propagação de incêndios rurais em especial nas regiões do Sul e do interior Centro e Norte”.

“Prevê-se a partir da tarde de hoje e o dia de amanhã [domingo] um agravamento da instabilidade atmosférica, apresentando condições de instabilidade em todo o Portugal Continental, com exceção do Algarve, com maior probabilidade nas regiões do interior Norte e Centro e Alto Alentejo, com possibilidade de ocorrência de aguaceiros e trovoada seca”, refere a nota baseada em informação disponibilizada pelo Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Tendo em conta estas previsões, a ANEPC recorda medidas preventivas como a proibição de fazer queimadas sem autorização, bem como a proibição de utilização de fogareiros e grelhadores em todo o espaço rural salvo se, usados fora das zonas críticas e nos locais devidamente autorizados, para o efeito.

“[É proibido] fumar ou fazer qualquer tipo de lume nos espaços florestais e lançar balões de mecha acesa”, sublinha a proteção civil, recordando que foguetes e uso de fogo-de-artifício só é permitido com autorização da câmara municipal.

A ANEPC alerta que é obrigatório o uso de “dispositivos de retenção de faíscas e de tapa-chamas nos tubos de escape e chaminés das máquinas de combustão interna e externa nos veículos de transporte pesados e um ou dois extintores de seis quilos, consoante o peso máximo seja inferior ou superior a 10 toneladas”.

Continuar a ler

Populares