Seguir o O MINHO

Alto Minho

Melhores restaurantes do mundo vêm ao Minho conhecer o vinho verde

Economia

em

Foto: ilustrativa

A Comissão de Viticultura da Região dos Vinhos Verdes (CVRVV) vai promover um encontro internacional com 20 sommeliers “dos melhores restaurantes do mundo” que, entre 25 e 29 de outubro, vão conhecer os vinhos e a região.

“Pretendemos com este evento gerar alguma centralidade para o vinho verde junto dos sommeliers [responsáveis pela carta de bebidas dos restaurantes] e fazer chegar longe esta mensagem de que há vinhos verdes de grande qualidade para serem vendidos em grandes restaurantes por todo o mundo”, afirmou o presidente da CVRVV, Manuel Pinheiro.

Em declarações à agência Lusa, Manuel Pinheiro afirmou que o encontro, que decorre entre 25 e 29 de outubro, visa formar estes profissionais, de modo que “conheçam os melhores vinhos verdes”, em particular, loureiros e alvarinhos.

Nesse sentido, a CVRVV convidou “20 sommeliers de alguns dos melhores restaurantes do mundo” para participarem nesta que é a primeira edição do encontro, intitulado, SOMMEET.

“A estratégia de promoção internacional do vinho verde tem como objetivo fazer acrescer valor para a marca. O vinho verde procura vender-se a um valor mais alto, não apenas vender mais”, acrescentou.

Provenientes de “mercados estratégicos” como os Estados Unidos da América, Canadá, Rússia, Brasil e México, os ‘sommeliers’ vão conhecer a região, os vinhos, visitar restaurantes, produtores e ter uma especialização sobre os vinhos verdes.

“O nosso objetivo é fazer a mensagem chegar aos vários mercados”, disse Manuel Pinheiro, acrescentando que, nestes mercados, o encontro se enquadra com outras iniciativas da CVRVV.

“O que está em causa não é tanto o negócio, mas sobretudo, formar líderes de opinião”, observou.

Durante os cinco dias, além de provarem os vários vinhos, os participantes vão ter uma experiência de investigação em Arcos de Valdevez da recuperação de castas abandonadas e visitar vários produtores.

Paralelamente, as participantes vão estar em contacto com o processo de certificação e ter acesso a análises comparativas entre os diferentes perfis de vinho verde.

Populares