Seguir o O MINHO

Braga

Parque de estacionamento do Braga Parque inundado

Mau tempo

em

Foto de Luís Silva no grupo de Facebook "Moina na Estrada"

Depois da chuva intensa que se vem sentindo nos últimos dias, algumas infraestruturas de Braga têm sofrido com as inundações. O estacionamento subterrâneo do centro comercial Braga Parque foi uma delas.

Na tarde desta quinta-feira, era já caótico o estado do parque de estacionamento, como documentam várias imagens publicadas nas redes sociais.

Foto: Liliana Paralvas – Facebook

Por ficar abaixo da linha do chão a concentração de água é grande e os meios de escoamento começam a mostrar falta de capacidade.

Os acessos ao shopping bracarense estiveram, também, alagados e com trânsito muito lento ou parado durante várias horas.

Aviso vermelho

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) emitiu ao final do dia de quarta-feira um aviso vermelho para os distritos do Porto, Braga, Aveiro, Vila Real e Viana do Castelo devido à chuva “forte e persistente, podendo ser acompanhada de trovoada”.

Este aviso vigora entre as 12:00 e as 21:00 em Vila Real e Braga, e entre as 12:00 e as 18:00 em Viana do Castelo, adianta o instituto em comunicado.

No Porto e em Aveiro, o aviso vermelho está em vigor entre as 15:00 e as 21:00.

O IPMA colocou também sob aviso vermelho, devido à previsão de rajadas de vento superiores a 100 quilómetros por hora, os distritos de Viseu, Guarda, Castelo Branco, Aveiro e Coimbra.

Segundo o IPMA, as rajadas de vento podem mesmo atingir os 140 quilómetros/hora nas terras altas, entre as 18:00 de hoje e as 03:00 de sexta-feira.

Sob aviso laranja para precipitação, vento ou agitação marítima, que vigoram em diferentes períodos até sábado, vão estar os distritos de Bragança, Viseu, Porto, Guarda, Faro, Vila Real, Setúbal, Santarém, Viana do Castelo, Lisboa, Leiria, Beja, Castelo Branco, Coimbra, Portalegre e Braga.

No aviso relativo ao vento, nos distritos de Bragança, Viseu, Porto, Guarda, Faro, Vila Real, Santarém, Viana do Castelo, Lisboa, Leiria, Castelo Branco, Aveiro, Coimbra, Portalegre e Braga podem ser registadas rajadas de vento entre os 100 e os 130 quilómetros por hora.

Só com avisos amarelos estará o distrito de Évora, para precipitação e vento.

A Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil alertou na quarta-feira a população para o agravamento das condições meteorológicas, com precipitação forte e persistente, vento forte nas terras altas e agitação marítima forte em toda a costa.

A Proteção Civil alerta para a possibilidade de “inundações rápidas em meio urbano, por acumulação de águas pluviais ou insuficiências dos sistemas de drenagem”, e “inundações por transbordo das linhas de água nas zonas historicamente mais vulneráveis”.

Informa ainda que, tendo em conta as previsões do IPMA, há a possibilidade de inundações de “estruturas urbanas subterrâneas com deficiências de drenagem” e de formação de lençóis de água na estrada, além da queda de ramos de árvores, danos em estruturas montadas ou suspensas.

 

Anúncio

Braga

Mais de mil ‘sambaram’ no Carnaval brasileiro de Braga

O grupo “Minho de Janeiro”, organizador do primeiro bloco de Carnaval brasileiro organizado em Braga, juntou, ao longo da tarde e noite deste domingo, mais de mil participantes no jardim dos Chorões, junto ao Campo das Hortas, à entrada do centro histórico da cidade.

em

Foto: O MINHO

O grupo “Minho de Janeiro”, organizador do primeiro bloco de Carnaval brasileiro organizado em Braga, juntou, ao longo da tarde e noite deste domingo, mais de mil participantes no jardim dos Chorões, junto ao Campo das Hortas, à entrada do centro histórico da cidade.

Desde as 13:00, grupos de cidadãos de toda a região do Minho e do distrito do Porto foram compondo o espaço, que continha um palco por onde passaram vários artistas brasileiros.

Segundo Bruno Guttman, organizador, esta festa serviu para “matar saudades” do Carnaval brasileiro.

Continuar a ler

Braga

PSD Braga promove debate sobre a eutanásia

No Hotel Mercure

em

Foto: DR / Arquivo

A comissão política concelhia de Braga do PSD promove, na próxima quarta-feira, um debate sobre a morte medicamente assistida, foi hoje anunciado.

Em comunicado, aquela estrutura aponta o tema como “de interesse local e nacional”, para ser debatido em “fórum de ideias” e “motivar a discussão em torno das questões ralacionadas” com a eutanásia.

O debate, que terá início às 21:15, no Hotel Mercure e é aberto à comunidade, contará com a participação de Ricardo Baptista Leite, médico e vice-presidente do grupo parlamentar do PSD e Paulo Baldaia, jornalista e comentador político.

Recorde-se que a Assembleia da República aprovou na generalidade, na passada quinta-feira, os cinco projetos para despenalização da morte medicamente assistida.

Continuar a ler

Braga

Emigrante de Vieira do Minho morre em incêndio no Luxemburgo

Óbito

em

Foto: DR

Bruno Mota, natural do concelho de Vieira do Minho, perdeu e vida na sequência de um incêndio durante a madrugada de sábado, que deflagrou num prédio na localidade de Sanem, no Luxemburgo.

A vítima mortal terá sido encurralado pelas chamas que deflagraram no primeiro andar do edifício, tendo dado alerta do incêndio às autoridades.

Bruno não conseguiu escapar de dentro do apartamento, acabando por ser encontrado pelos bombeiros já cadáver.

Segundo relata o Jornal de Luxemburgo, a vítima era uma figura bastante conhecida por entre a comunidade local, através da resturação.

Ainda não há data para as cerimónias fúnebres.

Continuar a ler

Populares