Seguir o O MINHO

Cávado

Mata-Ratos e Miura vão ‘estremecer’ Durrães no “Rock Rio Neiva”

em

A freguesia de Durrães, em Barcelos, recebe, nos dias 14 e 15 de agosto, a quarta edição do Festival Rock Rio Neiva. Os cabeça-de-cartaz deste ano são os Mata‐Ratos, lenda nacional do Street Punk e uma das bandas mais antigas em atividade.

No festival, estarão também presentes os Miura, da Figueira da Foz, com o seu rock “musculado” e os The 7Riots, de Viseu, uma das maiores promessas do hard rock em Portugal. O evento, realizado nas margens do rio Neiva, tem entrada gratuita.

A abertura do festival ficará a cargo dos famalicenses FullTrack, que têm o objetivo de serem, com a sua música, duros críticos da sociedade, num estilo que vive de várias influências, desde o rock puro e cru ao metal e blues.

rock-rio-neiva-durraes

Seguem-se os Lyzzard que repetem a “aventura” no Rock Rio Neiva, depois de terem estado presentes na segunda edição. Apesar de serem bastante jovens, já estão juntos há seis anos e lançaram, este ano, o EP “Release the Hounds”.

Os Miura serão os cabeça de cartaz do primeiro dia. Naturais da Figueira da Foz, vão trazer para a Levada das Pesqueiras um rock musculado, com secções rítmicas potentes.

Depois de milhares e milhares de quilómetros realizados pelas estradas nacionais e dezenas de concertos no nosso país, os Renegados do Ritmo vão fechar a primeira noite do festival. Esta banda nasceu em 2009 e conta já com uma larga experiência em festivais e, sobretudo, em concentrações motards.

O Rock Rio Neiva conta também com bandas barcelenses no alinhamento. É o caso dos Vipersing, que vão abrir a última noite do festival. Esta banda esteve em “stand-by” durante algum tempo, mas este ano voltou em força, com formação renovada e com uma influência pujante de rock/metal.

Logo a seguir, será a vez de os The 7Riots, de Viseu, provarem o porquê da organização do festival apostar neles pelo segundo ano consecutivo. Para muitos, proporcionaram o melhor concerto da edição anterior do Rock Rio Neiva. Em todo o caso, são uma das maiores promessas do hard rock nacional e já estiveram presentes, por exemplo, no NOS Alive de 2014.

E a banda impulsionadora do festival tocará em terceiro. Os Sanggnovo, que organizam o Rock Rio Neiva, juntamente com a Associação Lírio do Neiva desde 2012, vão poder mostrar um rock pesado e maduro, cantado em português.

O nome maior do cartaz, os Mata-Ratos, vão subir ao palco, a fechar a quarta edição, com o objectivo de fazer estremecer a freguesia de Durrães. A banda, que é a lenda nacional do Street Punk, nasceu em 1982, em Oeiras, e já lançou vários álbuns. Entre eles, “Rock Radioactivo”, editado em 1990, que conta com clássicos como “A Minha Sogra é um Boi” ou “Xavier”, que chegou ao quinto lugar do top nacional, com seis mil cópias vendidas.

Populares