Marcelo considera urgente apoiar o combate à discriminação das pessoas LGBTQIAP+

O Presidente da República assinala hoje o Dia Internacional de Luta contra a Homofobia, Transfobia e Bifobia com uma mensagem em que considera urgente apoiar os esforços políticos de combate à discriminação das pessoas LGBTQIAP+.

Esta mensagem de Marcelo Rebelo de Sousa foi publicada hoje no sítio oficial da Presidência da República na Internet.

“Apesar de virmos assistindo a sinais de progresso, por todo o mundo, a discriminação e a exclusão devido à orientação sexual e à identidade de género persistem, e são a causa de sofrimento de muitos e muitas, também entre nós”, afirma o chefe de Estado.

Para o Presidente da República, “se a discriminação persiste, quer na privacidade, incluindo no seio da família, quer no espaço público, na escola, na saúde, no emprego, é urgente desenvolver e apoiar os esforços políticos de combate à discriminação das pessoas LGBTQIAP+”.

“E que não esqueçamos a forma como tratamos quem nos rodeia”, acrescenta.

Marcelo Rebelo de Sousa, que há um ano também assinalou o Dia Internacional de Luta contra a Homofobia, Transfobia e Bifobia, aproveita esta data para defender que é preciso construir “um país onde não haja lugar a nenhuma forma de discriminação”.

“Milhões de pessoas vivem em países onde a homossexualidade é ilegal”, refere.

O chefe de Estado manifesta o desejo de que “este dia dê expressão à esperança por um país mais inclusivo, mais aberto, sem ódio e sem violência”.

 
Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

Frederico Pinheiro e chefe de gabinete de Galamba ouvidos hoje na comissão de inquérito à TAP

Próximo Artigo

Albufeiras com média de 80% de armazenamento de água e três com menos de 20%

Artigos Relacionados
x