Mais de uma tonelada de amêijoa-japonesa apreendida em Valença

Valor estimado de 11.700 euros

A Unidade de Controlo Costeiro (UCC) apreendeu, na quinta-feira, em Valença, 1.300 quilos de amêijoa-japonesa imatura, Ruditapes philippinarum, com o valor estimado de 11.700 euros, anunciou hoje a GNR.

Em comunicado, aquela força militar refere que, no âmbito de uma ação de fiscalização rodoviária levada a cabo na autoestrada Porto-Valença (A3), foi detetado um veículo que fazia o transporte de amêijoa-japonesa sem que tivesse o tamanho mínimo legal para a sua captura e comercialização, neste caso, de quatro centímetros.

Foi identificado um homem de 29 anos, apreendidos os bivalves e elaborado um auto de contraordenação por transporte de espécies bivalves em estado imaturo, infração punível com coima que pode atingir 37.500 euros.

A ação contou com o apoio do Destacamento de Trânsito (DT) de Viana do Castelo.

 
Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

Covid-19: Investigadores vão estudar vulnerabilidades dos casais na gravidez e pós-parto

Próximo Artigo

Junta acusa Câmara de Valença de discriminação por causa de fundos comunitários

Artigos Relacionados
x