Seguir o O MINHO

Barcelos

Ladrão anda a assaltar com faca lojas no centro de Barcelos. Comerciantes com “medo”

PSP investiga

em

Foto: O MINHO / Arquivo

Há uma onda de assaltos a lojas no centro de Barcelos. O ladrão ameaça as funcionárias com uma faca para roubar o dinheiro da registadora. As lojistas falam em clima de “medo” e “insegurança”. As situações foram reportadas à PSP, que está a investigar.

Escolhe lojas em que a funcionária esteja, preferencialmente, sozinha para poder atacar. Usa um chapéu para ocultar parte do rosto, entra de rompante e sob a ameaça de uma faca obriga as funcionárias a entregarem-lhe o dinheiro da caixa.

“Entrou-me por aqui adentro com chapéu, nem sei se tinha máscara, vi logo a faca e ele a dizer que era um assalto, era um assalto para lhe dar o dinheiro da caixa”, conta a O MINHO uma das vítimas, que não quis ser identificada com medo de represálias.

Apoderando-se do dinheiro que tem na caixa, o indivíduo coloca-se em fuga a pé.

Noutro caso, relatado a O MINHO pela proprietária de uma das lojas visadas, quando efetuava o assalto entrou uma cliente e o ladrão “não se intimidou”. Apercebendo-se que a cliente iria chamar a polícia, “agarrou-lhe” o braço e apontou-lhe mesmo a faca enquanto obrigava a funcionária a simular uma venda para poder abrir a caixa registadora e levar o dinheiro.

Nos últimos dias foram várias as lojas assaltadas desta forma no centro histórico de Barcelos, nas principais artérias, como a Rua Direita e a Avenida da Liberdade, mas também nas adjacentes com o Campo 5 de Outubro ou a Rua Cândido dos Reis.

Segundo o jornal Barcelos Popular, que avançou a notícia, no espaço de 24 horas foram visados mais de “meia dezena de estabelecimentos”.

Ao que O MINHO soube, numa outra loja terá tentado o mesmo método, mas terá fugido ao aperceber-se da entrada de clientes.

Pela descrição, os crimes são praticados sempre pelo mesmo sujeito.

Os comerciantes sentem insegurança. “A gente está cheia de medo. As pessoas de todas as lojas querem mais policiamento”, aponta uma lojista a O MINHO, acrescentando que nunca lhe aconteceu “tal coisa” em muitos anos de trabalho no comércio em Barcelos.

A PSP tem sido chamada aos locais onde são efetuados os assaltos e, segundo uma das vítimas, já saberá quem é o assaltante. Porém, para já, ainda não há notícia de detenção.

Notícia atualizada às 16h17 com mais informação.

Populares