Seguir o O MINHO

Braga

José Macedo, de Braga, imparável nos Paralímpicos. Dois jogos, duas vitórias

Tóquio2020

em

O atleta bracarense José Carlos Macedo venceu esta manhã o segundo jogo da fase de grupos individual BC3 na modalidade de Boccia, após ganhar ao atleta sul-coreano H. Kim,  nos Jogos Paralímpicos Tóquio2020.

Depois de ter eliminado na sexta-feira a oponente brasileira, na estreia do torneio, esta foi uma vitória em cheio para o atleta de Braga que continua a afirmar-se de início numa competição onde aspira chegar o mais longe, se possível com a conquista da medalha, já que tem currículo para isso – seis medalhas em seis edições dos Jogos.

José Macedo disputa o terceiro jogo da fase de grupos individual BC3 esta madrugada, a partir das 03:55, contra o atleta hongueconguense Y.K. Ho.

Na mesma categoria, Avelino Andrade e Ana Sofia Costa, que se defrontaram no sábado, foram ambos derrotados por 9-0 pelo japonês Kazuki Takahashi e pelo grego Grigorios Plychronidis, respetivamente.

Cristina Gonçalves, em BC2, manteve o pleno de vitórias, ao derrotar Diana Tsyplina do Comité Paralímpico da Rússia, por 8-3, enquanto em BC1 André Ramos alcançou a sua primeira vitória paralímpica ao bater o eslovaco Tomas Kral por 11-0.

Ainda na classe BC2, Nelson Fernandes perdeu com o israelita Nadav Levi, por 5-2, e Abílio Valente foi derrotado por eslovaco Rastislav Kurilak, por 7-2.

Na classe BC4, Carla Oliveira somou o segundo desaire ao perder com o chinês Yuansen Zheng, por 10-2.

Portugal, que soma 26 medalhas no boccia em Jogos Paralímpicos, está representado na modalidade nos Jogos Tóquio’2020 por 10 atletas, nas quatro categorias e nas variantes de pares e equipas.

O quinto dia de competição ficou marcado pelo bronze conseguido por Miguel Monteiro na final do lançamento do peso F40, que garantiu a primeira medalha para Portugal na presente edição dos Jogos Paralímpicos, que decorrem até 05 de setembro.

Populares