Seguir o O MINHO

Braga

José Litra é candidato à liderança da Federação Distrital de Braga da Juventude Socialista

em

“Um projeto de união e que deve ser posto em prática num quadro de maior proximidade e interação entre todas as instituições de juventude do distrito, promovendo o diálogo e a aproximação entre todos os militantes”, foi desta forma que José Litra apresentou, esta quarta-feira, a sua candidatura à liderança da Federação Distrital de Braga da Juventude Socialista.

Na conferência de imprensa de apresentação, José Litra sublinhou a atitude de união, cujas linhas orientadoras devem assentar em cinco pilares estratégicos: inclusão (alargar a participação e promover fóruns de diálogo com todas as concelhias de modo a promover a inclusão de todos os jovens socialistas do distrito), participação (uma maior abertura à sociedade), formação (criação de uma academia de formação com o objetivo de formar uma nova geração de quadros autárquicos para o PS), informação (maior disponibilização de informação que levará a que mais jovens se interessem pela política) e descentralização (um fomento à participação de todo o universo de militantes).

Na ideologia e ação política, o candidato divide a ação política em dois momentos distintos, “as causas para abraçar e os desafios para honrar”. Em matéria de causas, o projeto de José Litra elege “o desemprego jovem como uma das bandeiras a erguer, a par das desigualdades e injustiças sociais, cada vez mais evidentes com os sucessivos ataques desferidos ao Estado Social. A ação política será ainda marcada pelo combate por uma educação mais justa, de contribuir por um acesso à saúde para todos, lutando por um país mais igual, e uma Europa menos egoísta e uma região mais progressista, combatendo a desertificação do território”.

No que toca aos desafios a honrar, no horizonte muito próximo apresentam-se as eleições presidenciais.

“Pautaremos por ter uma participação ativa neste percurso, assente numa reflexão e discussão política abrangente, que permita a todos os militantes a livre escolha de decisão”, referiu.

As autárquicas 2017 são o desafio que se segue, onde José Litra assume como prioridade o empenho nesta batalha, dotando as concelhias de ferramentas necessárias para o efeito, estimulando a participação da juventude em todos os concelhos, contribuindo para uma renovação das listas.

“A JS assume também como desafio uma nova Europa que seja um espaço de colaboração e solidariedade entre Estados-Membros, bem como de crescimento económico e fomento dos direitos sociais”, sublinhou.

A lista liderada por José Litra é para já a única lista que se apresenta a sufrágio ao congresso federativo que decorrerá no dia 19 de dezembro, em Braga.

Populares