Seguir o O MINHO

Atletismo

Jéssica Augusto vence Maratona de Hamburgo

em

DR

A bracarense Jéssica Augusto venceu este domingo a Maratona de Hamburgo, tendo ainda alcançado os mínimos para os Mundiais.

A atleta do Sporting acabou a prova na cidade alemã em 2h 25m 30s, um minuto abaixo do seu anterior recorde pessoal, e próximo do melhor registo nacional de sempre, 2h 23m 29s, de Rosa Mota.

Esta foi a primeira vez que Jéssica Augusto triunfou na maratona.

Classificação

1. JÉSSICA AUGUSTO (PORT) – 2h 25m 30s
2. Megertu Ifa (ETH) – 2h 29m 47s
3. Viola Kibiwott (KEN) – 2h 30m 33s
4. Marisa Casanueva (ESP) – 2h 32m 22s
5. Magdalena Shauri (TAN) – 2h 33m 22s

Anúncio

Atletismo

Mais de 1.500 “adeptos” começaram o dia a correr em Braga

Taça da Liga

em

Foto: Divulgação

O campeão de inverno é decidido esta noite, mas os bracarenses começaram a festejar, já esta manhã de sábado, na mais “solidária e agregadora manifestação desportiva do ano”. A quarta edição da Corrida do Adepto mobilizou adeptos do futebol na cidade de Braga, numa manhã dedicada ao desporto e à saúde.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Antes do tiro oficial, outro sinal de partida foi dado alguns minutos antes para o início de uma prova bem especial. Depois de ter sido batido o recorde nacional para a maior equipa inscrita numa prova de atletismo popular em 2019, o movimento Egoísmo Positivo voltou a participar nesta prova para dar a possibilidade a pessoas com deficiência de poderem integrar a corrida ou caminhada, acompanhadas por atletas deste movimento.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

O presidente da Liga Portugal, Pedro Proença, deu o tiro de partida, para a corrida no intuito de ser um exemplo da importância da prática de desporto e da salutar convivência entre adeptos de vários clubes.

Passagem pelo estádio vai ficar na memória dos atletas

Numa prova que contou com uma corrida de 10 km, cronometrada, e uma caminhada de 5 km, para todas as idades, destacou-se a passagem pelo interior do Estádio Municipal de Braga, local onde, a partir das 19:45, se vai disputar o jogo da final.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Na linha de meta, Emiliano Vieira (Run Tejo), atingiu a primeira posição com o tempo de 00:32:47, imediatamente seguido por Vasco Marta (Run Tejo), com o tempo oficial 00:33:51. Na terceira posição, Paulo Morais (Águias da Misericórdia), cortou a linha de meta com o tempo de 00:33:49.

No setor feminino, Diana Sousa, do Run Tejo, chegou na primeira posição com o tempo de 00:37:36, seguida de Andreia Cunha (Run Tejo) com o tempo de 00:37:50 e, na terceira posição ficou Kcenia Bougrova, do mesmo clube, com o tempo de 00:38:30.

Para além da merecida medalha, os atletas que subiram ao pódio vão assistir esta noite à final da Final Four Allianz Cup.

Foram também premiados os três primeiros classificados femininos e masculinos de cada escalão.

Os prémios foram entregues por Pedro Proença, presidente da Liga Portugal, Sameiro Araújo, vice-presidente da Câmara de Braga, Rui Magalhães, representante da ESC online, um dos patrocinadores oficiais da Liga Portugal, e pelo embaixador da Corrida do Adepto, Carlos Alves.

Continuar a ler

Atletismo

Paulo Rosário (Braga) faz a melhor marca portuguesa desde 2012 nos 3 mil metros

No Meeting de Valência

em

Foto: Divulgação / FP Atletismo (Arquivo)

O atleta bracarense Paulo Rosário conseguiu, esta sexta-feira, a melhor marca portuguesa dos 3 mil metros desde 2012, embora os 8.01,93 minutos constituam somente a 14.ª do ranking nacional.

Foi no Meeting de Valência de pista coberta que o atleta do Sporting obteve a marca, novo recorde pessoal, e que lhe permitiu o nono lugar.

Paulo Rosário beneficiou do andamento imposto por Mohamed Katir El Haouzi, o vencedor da corrida com 7.48,84 minutos.

Na final B, outro sportinguista, Fernando Serrão, foi segundo classificado com 8.09,84, tempo que também vale recorde pessoal.

Nos 800 metros femininos, a bracarense Mariana Machado, do SC Braga, fez a sua primeira prova internacional de pista coberta, terminando no quinto lugar, com a marca de 2.13,02 minutos, com a vencedora, Natalia Romero, a terminar com 2.04,90 minutos.

Continuar a ler

Atletismo

Viana: Meia Maratona à espera de mil participantes da Galiza

Contará com cinco mil atletas de 22 nacionalidades

em

Foto: Divulgação / CM Viana do Castelo

Cerca de cinco mil atletas de 22 nacionalidades, mais de mil oriundos da Galiza, são esperados na 22.ª meia maratona Manuela Machado, que vai decorrer no dia 19 de janeiro, em Viana do Castelo, foi esta sexta-feira anunciado.

“A 22.ª meia maratona deste ano é a mais internacional de sempre. Vamos ter atletas de 22 nacionalidades em Viana do Castelo”, destacou o presidente da Câmara, José Maria Costa, durante a conferência de imprensa da prova.

A ex-atleta Manuela Machado, que dá nome à prova, participa e é responsável pela sua organização, realçou a participação de mil atletas da Galiza, garantindo que a prova “faz parte do calendário de corridas dos espanhóis”.

Entre os inscritos, nos femininos, Manuela Machado destacou Dulce Félix, e, nos masculinos, Hermano Ferreira, vencedor da edição do ano passado, Paulo Gomes, Daniel Pinheiro, Paulo Paula, bem como Miguel Ribeiro, do Olímpico Vianense e vencedor da edição 2018, e Ricardo Dias.

Continuar a ler

Populares