Seguir o O MINHO

Braga

Iniciativa Liberal de Braga defende mais policiamento junto à UMinho

Eleições autárquicas 2021

em

Foto: Divulgação

A candidata à Câmara de Braga do partido Iniciativa Liberal defendeu uma maior articulação das forças de segurança junto à zona da Universidade do Minho, em Gualtar, sobretudo “nas noites de quarta-feira”, para salvaguardar estudantes.

A consideração surge após reunião entre Olga Baptista e o presidente da direção da Associação Académica de Braga, Rui Oliveira, onde a candidatura liberal se quis inteirar “das principais dificuldades que os estudantes” enfrentam.

Em comunicado, a candidata explica que da reunião “resultou que há uma necessidade de uma maior articulação com as forças de segurança”, considerando que há “falta de uma maior presença, sobretudo em dias e horas mais críticas, como as noites de quarta-feira, de forças de segurança”.

Foi ainda apontada a necessidade de investir na realização dos chamados “corredores seguros para uma maior salvaguarda dos estudantes”.

Citado no comunicado, Rui Oliveira apontou a falta de habitação a preços acessíveis para estudantes como outro dos “problemas” enfrentados pela comunidade académica. O líder estudantil vê com “bons olhos” a utilização da Fabrica Confiança como residência universitária.

Uma das ‘bandeiras’ da IL para Braga “consiste no estabelecimento de residências universitárias na antiga escola Francisco Sanches e antiga Secundária D. Luís de Castro, destinando a Fábrica Confiança a funcionar como museu industrial, associações académicas universitárias, AAEUM, cultura, com vista ao financiamento de outras iniciativas culturais e patrimoniais”.

Olga Baptista abordou ainda a “dificuldade que neste momento as empresas têm em conseguir-se estabelecer em Braga devido à falta de terrenos em parques industriais que pratiquem preços acessíveis a qualquer empresa que se queira instalar”.

“Isto tudo tem como consequência, Braga não estar a atrair investimento pois os empresários não têm condições para instalar as suas empresas. Por fim a reunião terminou com votos de se estreitaram laços entre a Iniciativa Liberal Braga e a AAUM”, considerou.

Nas eleições de 26 de setembro, os cabeças-de-lista à câmara de Braga são Ricardo Rio (coligação PSD/CDS-PP/PPM/Aliança), Hugo Pires (PS), Bárbara Barros (CDU), Alexandra Vieira (Bloco de Esquerda), Teresa Mota (Livre), Olga Baptista (Iniciativa Liberal), Rafael Pinto (PAN) e Eugénia Santos (Chega).

Populares