Seguir o O MINHO

Braga

Igreja celebrou o dia de S. Geraldo, padroeiro da cidade de Braga

Morreu em 1108

em

Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO

A 05 de dezembro a diocese de Braga celebra a festa litúrgica de São Geraldo, antigo bispos de Braga que hoje é considerado santo pela instituição. São Geraldo é, ainda, o padroeiro da cidade, que por este dia ornamentava a capela em sua honra com frutas. Este ano, não houve a recriação teatral levada a cabo pelas escolas por causa da situação pandémica.

Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO

Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO

Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO

Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO

Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO

Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO

Ficou na história por ser dos dois primeiros arcebispos de Braga, em conjunto com Pedro de Braga, controlando dioceses desde o topo da Galiza até Viseu. De acordo com a nota biográfica da Arquidiocese de Braga, efetuou um conjunto de reformas a nível eclesiástico, moral e administrativo, reorganizando a escola da catedral e o cabido, continuando as obras da Sé, recuperando bens eclesiásticos usurpados e reformando o culto e a liturgia. Morreu em 1108.

Neste dia, e embora não seja celebrado pela diocese, mas sim no resto do país, celebra-se ainda Frutuoso de Dume, São Frutuoso, monge e bispo do século VII (sete), que até hoje é venerado como santo. Em 1102, o seu corpo terá sido roubado, enquanto relíquia, da freguesia de Dume, e levado para a catedral de Santiago, onde foi enterrado na cripta com uma cerimónia solene. Esse momento ainda é celebrado pela catedral de Compostela a 16 de dezembro. No entanto, as relíquias de S. Frutuoso regressaram a Braga em 1966, cerca de 864 anos depois de terem sido levadas.

Populares