Seguir o O MINHO

Braga

Idosa resgatada após dois dias a vaguear em Braga já teve alta e está bem de saúde

Dois dias e duas noites a vaguear ao relento

em

Maria da Conceição, 83 anos, casada, estava encharcada com a chuva e não falava com ninguém, quando foi encontrada por Carlos Salgado, um popular, já no concelho de Guimarães, em São Clemente de Sande, perto da Capela da Senhora da Saúde, a cerca de três quilómetros do lugar da Naia, em Morreira, Braga, onde reside.

A mulher passou este sábado desde a hora em que foi encontrada (às 10:30) em Observações no Hospital de Braga, tendo já recebido alta hospitalar e encontrando-se bem de saúde. Anteriormente, passou dois dias e duas noites ao relento.

O presidente da Junta da Morreira, Manuel Azevedo, que participou ativamente no processo de buscas, assim como vários familiares da idosa, populares e autoridades, disse ao Jornal de Notícias ter sido “um milagre” a idosa ter sido encontrada com vida.

O autarca deixou agradecimento a todas as autoridades e populares que participaram nas buscas, sobretudo à Câmara de Braga por ter feito avançar a Companhia de Bombeiros Sapadores de Braga e a Polícia Municipal de Braga.

Populares