Seguir o O MINHO

Braga

Homem que matou ex-mulher à facada em Braga começa a ser julgado a 15 de junho

Homicídio

em

Foto: DR / Arquivo

O Tribunal de Braga começa dia 15 de junho a julgar o homem acusado de matar a ex-mulher, Gabriela Monteiro, funcionária do Theatro Crico e ex-mulher do acusado, esfaqueando-a “pelo menos 18 vezes” em Braga, em setembro de 2019, disse hoje fonte judicial.


O arguido, de 48 anos, está acusado de homicídio qualificado.

Segundo a acusação, o arguido e a vítima casaram em fevereiro de 2017 e divorciaram-se em 08 de julho de 2019.

“O arguido não se conformava com o fim dessa relação e tentou reatar a mesma, o que não foi aceite pela ofendida”, acrescenta.

Homem mata mulher à facada em Braga

Os factos ocorreram em 18 de setembro, pelas 22:00, quando a mulher compareceu na Travessa da Praça da Justiça, em Braga, para se encontrar com o arguido, acedendo ao pedido que este lhe fizera.

A acusação diz que o arguido iniciou uma discussão com a vítima, no decurso da qual, munido com uma navalha aberta com cerca de nove centímetros de lâmina, lhe desferiu “pelo menos 18 golpes com força, sendo três na zona da cabeça, cinco na zona do pescoço, oito na zona do tórax e dois no membro superior esquerdo”.

Homem que matou ex-mulher à facada em Braga foi agora acusado de homicídio qualificado

“Na sequência destes golpes, a ofendida ficou prostrada no solo e o arguido deslocou-se apeado à Esquadra da Polícia de Segurança Pública de Braga, que fica nas imediações, onde entrou ainda com a navalha na mão, suja com restos de sangue e onde relatou o que tinha acabado de fazer”, lê-se ainda na acusação do Ministério Público.

A mulher foi assistida por populares e pelo INEM, mas acabou por morrer no local.

Theatro Circo organiza vigília em homenagem a Gabriela, vítima de violência doméstica em Braga

Este homicídio esteve na base da criação do movimento cívico Mulheres de Braga, entretanto constituído como associação, que tem como objetivo apoiar vítimas de violência doméstica.

Poucos dias após o crime, a associação promoveu uma vigília frente ao Tribunal de Braga, marcada pela mensagem “nem uma vítima mais”.

Anúncio

Braga

Associação desafia Ricardo Rio a ir de casa para o trabalho de bicicleta em Braga

Braga Ciclável

em

Foto: Divulgação / CM Braga (Arquivo)

Fazer as viagens de casa até aos Paços do Concelho de bicicleta elétrica foi o desafio deixado ao presidente da Câmara de Braga, Ricardo Rio, por parte da associação Braga Ciclável.

Através das redes sociais, a Braga Ciclável desafia o edil a utilizar uma das bicicletas elétricas que o Município de Braga tem à disposição para utilização dos funcionários.

A associação propõe apenas a deslocação casa-trabalho e trabalho-casa, ficando ao critério do autarca outro meio preferencial nas restantes deslocações a efetuar durante a semana.

“Ao fim de uma semana, e a utilizar a bicicleta nas avenidas que compõem a Rodovia, a Avenida 31 de Janeiro ou a Avenida da Liberdade – na estrada e porque terá que passar em partes destas Avenidas para realizar as suas deslocações – perceberá a necessidade de implementar o projeto aprovado em dezembro de 2017 no executivo municipal”, diz a Braga Ciclável.

“O que propomos é algo que na Câmara Municipal de Lisboa já acontece: o presidente Fernando Medina tem utilizado a bicicleta em algumas deslocações, apercebendo-se de problemas e sentindo a cidade de uma forma diferente”, finalizam.

Contactado pela Rádio Universitária do Minho, o autarca não quis comentar o desafio.

Continuar a ler

Braga

Covid-19: Mais dois infetados e seis recuperados no concelho de Braga

Covid-19

em

Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO

O concelho de Braga registava, até ás 18:00 horas desta terça-feira, 1.399 casos acumulados de infetados com covid-19 desde o início da pandemia, mais dois do que nos últimos sete dias, apurou O MINHO junto de fonte local da saúde.

Destes, 1.303 já estão recuperados, mais seis do que na última semana, lamentando-se ainda os mesmos 74 óbitos. Existem, atualmente, 24 casos ativos de covid-19 em todo o concelho de Braga.

Estes dados são apurados por O MINHO junto de fonte local do setor da saúde e não coincidem com os divulgados pela Direção-Geral de Saúde, no qual Braga regista há várias semanas o mesmo número de casos. A DGS já veio a público admitir que os dados não têm sido atualizados, devendo essa atualização ocorrer em breve.

Portugal regista hoje mais nove óbitos por covid-19, em relação a segunda-feira, e mais 287 casos de infeção confirmados, dos quais 207 na região de Lisboa e Vale do Tejo, segundo o relatório da DGS.

De acordo com o boletim epidemiológico diário, o total de óbitos por covid-19 desde o início da pandemia é agora de 1.629 e o total de casos confirmados é de 44.416.

Há 29.445 casos recuperados, mais 279.

Continuar a ler

Braga

Temperatura máxima desce 7 graus em Braga esta quarta-feira (mas volta a subir na quinta)

Estado do tempo

em

Foto: DR

A temperatura máxima para a região de Braga vai descer sete graus entre terça e quarta-feira, segundo as previsões do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Nesta terça-feira, os termómetros registaram a temperatura máxima de 34 graus no concelho de Braga, descendo para 27 graus já amanhã.

Contudo, as temperaturas voltam a subir na quinta-feira, com uma subida de 10 graus, esperando-se 37 no concelho de Braga.

Já o distrito de Viana também regista uma descida da temperatura máxima na quarta para voltar a subir na quinta-feira.

Continuar a ler

Populares