Seguir o O MINHO

Guimarães

Guimarães requalifica acessos em freguesia

Obras públicas

em

Foto: Divulgação

A Câmara de Guimarães está a proceder à requalificação da Rua 24 de Junho e Rua da Saudade, no âmbito do acesso às freguesias de Souto Santa Maria e Souto S. Salvador, foi hoje anunciado.


Para além da pavimentação, nota de destaque para a construção de passeios e rede de águas pluviais numa “obra completa”, segundo Domingos Bragança.

O presidente da Câmara visitou o espaço no âmbito das obras de melhoramento da rede viária que estão em curso no concelho.

“Este é mais um exemplo de uma obra que pretendemos implementar e servir a população a cem por cento, com o cuidado da segurança rodoviária e segurança dos peões”, vincou.

Anúncio

Guimarães

Junta de S. Torcato, em Guimarães, dá 500 frascos de álcool gel aos alunos da freguesia

Covid-19

em

Foto: Divulgação / JF S. Torcato

A Junta de Freguesia de S. Torcato, no concelho de Guimarães, disponibilizou “mais de 500” frascos de álcool-gel aos alunos das escolas da freguesia, de forma a mitigar o avança pandémica da covid-19 na região.

Em comunicado assinado pelo presidente da Junta, António Martins, é referido que os frascos vão ser “divididos” por entre os alunos das escolas EB1 do Mosteiro e a EB 2/3 de São Torcato.

” Com esta iniciativa a Junta de Freguesia pretende apelar ao reforço das medidas de higiene e sensibilizar a comunidade escolar para a necessidade de reutilizar este tipo de embalagens”, refere a mesma nota.

Continuar a ler

Guimarães

Guimarães: Condenado a 4 anos e meio de prisão por violar amiga que o acolheu

Justiça

em

Foto: O MINHO / Arquivo

O tribunal de Guimarães condenou um homem “com uma vida desestruturada” por violar a amiga que lhe permitiu uma pernoita em sua casa, aplicando-lhe uma pena efetiva de quatro anos e meio de prisão, informou hoje a Procuradoria Regional.

“O tribunal considerou provado que o arguido, no dia 16 de maio de 2020, pelas 04:20, a pretexto de precisar de descansar, se acolheu na casa da vítima, uma sua amiga residente numa freguesia de Guimarães”, relata a Procuradoria Regional do Porto, na sua página na Internet.

Considerou ainda provado que, por volta das 06:00, quando a mulher se aprontava para ir trabalhar, “abordou-a, agarrou-a e prendeu-lhe os braços, tirou-lhe à força roupa que envergava e manteve com ela relações sexuais”.

O tribunal exclui a hipótese de suspender a pena (decisão possível até cinco anos de prisão) tendo em conta “os antecedentes criminais do arguido, e a personalidade alheada do dever-ser jurídico que deles se conclui, assim como a vida desestruturada que apresentava”.

Continuar a ler

Guimarães

Hospital de Guimarães aumenta capacidade em UCI para responder a doentes covid

Covid-19

em

Foto: DR

O Hospital Senhora da Oliveira, em Guimarães, tem, neste momento, dez doentes com covid-19 internados em cuidados intensivos. Com a capacidade instalada, a esta altura, restam duas camas vagas em cuidados intensivos, para doentes covid.

A Unidade de Cuidados Intensivos Polivalente, para doentes covid do Hospital de Guimarães tinha uma capacidade máxima de seis camas. Esta lotação foi alargada até às doze camas com a recente adaptação de duas salas do bloco operatório para este efeito. Com mais três camas em cada uma destas salas, o hospital ficou com capacidade para receber doze doentes infetados com covid-19 a necessitarem de cuidados intensivos.

Estas capacidade alargada, porém, já está quase esgotada, só restando duas camas livres. O Hospital pondera agora adaptar, nos próximos dias, outra sala de operações para receber mais três doentes covid-19 em cuidados intensivos. Nessa altura o hospital ficará com uma capacidade total de 15 doentes covid em cuidados intensivos. Esta utilização das salas do bloco operatório só foi tornada possível devido à possibilidade, aberta pelo Governo, de os hospitais interromperem todas as atividades não urgentes, nomeadamente as cirurgias programadas.

A Unidade de Cuidados Intensivos, não covid, continua nesta altura a funcionar, com doentes com outros quadros clínicos que acorrem ao hospital diariamente. Esta unidade tem seis camas, das quais duas estão ocupadas. O hospital não prevê, nesta fase, aumentar a capacidade nesta unidade.

O Hospital de Guimarães viu-se obrigado a transferir alguns doentes, entre o final de setembro o inicio de outubro, mas com a lotação atual e com alguma disponibilidade para aumentar a capacidade, essa opção não está ser tomada.

Continuar a ler

Populares