Seguir o O MINHO

Guimarães

Guimarães. Casa da Memória edita livro sobre mostra “Território e Comunidade”

em

Foto: DR

A Casa da Memória de Guimarães (CDMG) apresenta, sábado, 02 de dezembro, um livro que dá a conhecer os processos que deram origem à sua exposição, “Território e Comunidade”. A edição é de Inês Moreira – arquiteta e investigadora, responsável pela curadoria da coleção permanente da CDMG – a qual, na mesma data, nos conduzirá pela exposição, enquanto convidada do Guia de Visita.

Dias depois, a “Casa” acolhe, ainda, a apresentação do número 11 da Veduta, uma publicação da Oficina dedicada ao património cultural, que tem sido lançada, anualmente, a 13 de dezembro. A tradição das “passarinhas e sardões”, que se celebra em Guimarães nesta altura do ano, será o tema do “Domingos em Casa”.

“Território e Comunidade: da Fábrica Pátria à Casa da Memória de Guimarães” é o título da publicação que será lançada sábado, às 15:30, diz Bruno Barreto, o comunicador da Casa. A edição organiza-se em três tempos: “presente – pela partilha de uma parte significativa dos processos de criação que deram origem à nova exposição permanente; passado – da reconversão da Fábrica de Plásticos Pátria em centro cultural; e futuro – propondo projeções sobre as expetativas e desafios da CDMG”.

A publicação é coordenada por Inês Moreira, que para ela contribui com um ensaio, assim como José Bastos, Sofia Romualdo, Ana Bragança, Francisco Brito, Andrew Howard, Miguel Guedes e José Carlos Melo Dias, Catarina Pereira, Eduardo Brito, Manuel Morais Sarmento Pizarro, e foi desenhada por Andrew Howard. A apresentação, aberta ao público, conta com uma conversa com Inês Moreira e convidados.

A seguir, pelas 18:30, Inês Moreira assume o protagonismo do Guia de Visita. Depois da apresentação do livro, a arquiteta, curadora e investigadora leva os visitantes numa incursão pela Casa da Memória e pelas suas próprias memórias.

Populares